segunda-feira, 21 de setembro de 2015

OS ABUSOS DA IMPRENSA NO BRASIL - EX-PRESIDENTE LULA É VÍTIMA DE CAMPANHA SÓRDIDA


MONOPÓLIOS DE COMUNICAÇÃO PUBLICAM MATÉRIAS SEM NENHUM FUNDAMENTO, E ESCORAM SUAS ILAÇÕES NA FIGURA DE "FONTES" QUE PEDIRAM PARA NÃO TER A IDENTIDADE REVELADA.

Esse comportamento de grande parte da imprensa brasileira, que busca contribuir para um clima de agitação e instabilidade, não condiz com a MISSÃO de bem informar, e de garantir através da sagrada figura de ouvir as partes envolvidas na notícia publicada, o equilíbrio e a verdade, ou o que mais perto se pode chegar dela.

Quando um Jornal como o VALOR ECONÔMICO, tido como um dos mais importantes, chega ao ponto de ser acusado de fazer FUTRICAS, ao invés de jornalismo, e obriga um ex-presidente da REPÚBLICA a lhe responder através de NOTA via seu Instituto, fica evidente que a LIBERDADE DE EXPRESSÃO está ameaçada, e quem a ameaça, curiosamente não é o governo, e sim a própria IMPRENSA e seus maus jornalistas.
20/09/15 15:29 - Fuso horário de Brasília

Lula desmente jornal Valor
17/09/2015 11:20 

​O texto publicado na edição de hoje do jornal Valor Econômico, intitulado "Lula pressiona Dilma a mudar política econômica", não corresponde de forma alguma à verdade. Estranhamente, não houve contato da reportagem com o ex-presidente para checar as informações que foram publicadas, resultando em veiculação de supostas informações atribuídas a Luiz Inácio Lula da Silva, de forma irresponsável. 

A veiculação de especulações infundadas não contribui para o debate público e tem consequências negativas para o país. É desejável que o mais importante jornal de economia do Brasil não abra espaço para futricas.

Assessoria de imprensa do Instituto Lula

3 comentários:

especulador disse...

A imprensa é cruel com o Lula. Um homem fantástico que, junto com a Dilma, ajudou a quebrar o Brasil.

Eu devo muito a esse dois, principalmente agora que o dólar passou dos 4 reais.

Lrm disse...

Kkkkk.Qual o especulador que não gosta desses dois? Nunca lucraram tanto. A dúvida que corre é a seguinte: quem vai chegar antes aos 5? O preço da gasolina, o dolar ou a popularidade da Dilma?

José Antonio disse...


Quem especulou com dólar em 2002 ainda não conseguiu, 13 anos depois, recuperar seu capital, D. Lucia. Ainda estão chorando.

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS