sábado, 23 de agosto de 2014

GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN PERMANECE INTERNADO NO INCOR - BEBEU ÁGUA CONTAMINADA ?

NÃO VÃO COBRAR DO GOVERNADOR, O FATO DELE TER IDO PARA O INCOR, AO INVÉS DE PROCURAR UM HOSPITAL COMUM DA REDE PÚBLICA DO ESTADO DE SÃO PAULO, ONDE O CIDADÃO PAULISTA PROCURA TRATAR SUA 'DOR' DE BARRIGA ?

Desejo pronto restabelecimento ao Senhor Geraldo Alckmin, e que ele reflita, assim como todos os demais governantes e políticos, o quanto é bom ter de imediato atendimento, diante de um problema de saúde. Aos "coxinhas" que vivem escrevendo bobagens na Internet, 'aquele abraço, passar bem'.

Governador Geraldo Alckmin segue internado em São Paulo


O governador de São Paulo e candidato à reeleição, Geraldo Alckmin (PSDB), continua internado no Instituto do Coração (Incor), na capital paulista, para tratar uma infecção intestinal bacteriana. A assessoria de imprensa de Alckmin informou que o governador passa bem e está realizando exames para ser reavaliado pelos médicos. 

Até o fim da manhã deste sábado não havia previsão de alta. As atividades de campanha seguem, portanto, interrompidas.

Alckmin passou mal ao final dos compromissos de agenda desta sexta-feira, por volta das 12h30, e seguiu para o hospital.

2 comentários:

José Antônio disse...


Hamas executa 18 suspeitos de colaborar em ataques aéreos na Faixa de Gaza

"GAZA — Um dia depois da morte de três comandantes do Hamas pelas forças israelenses, militantes do grupo fundamentalista islâmico executaram nesta sexta-feira 18 palestinos suspeitos de colaborar com Israel. Entre as vítimas, 11 foram mortos em um posto policial abandonado no território palestino. Outros sete morreram em uma execução em Gaza, informaram testemunhas e um site do Hamas.

Os executados não foram identificados, mas segundo fontes palestinas já haviam sido presos ou condenados por colaboração, ato passível de pena de morte em Gaza. Segundo o site al-Majd, eles estavam com a cabeça coberta e mãos atadas, e foram mortos a tiros por homens com máscaras e vestidos de preto diante de fiéis perto de uma mesquita após as orações de sexta-feira. Duas mulheres estariam entre os mortos, segundo testemunhas.

As execuções foram consideradas uma retaliação ao ataque aéreo israelense que matou três dos principais comandantes militares do Hamas na quinta-feira. Entre os líderes estavam Muhammad Abu Shamalah e Ra'ad Atar, ambos envolvidos no sequestro do soldado israelense Gilad Schalit, em 2006. Um ataque israelense também matou parentes de Mohammad Deif, comandante de uma ala militar do grupo fundamentalista, mas ele sobreviveu, segundo o grupo.

Na quinta-feira, outros três palestinos suspeitos de colaboração com Israel foram executados, de acordo com o Hamas. Os três estavam entre os sete colaboradores suspeitos detidos acusados de buscar alvos na Faixa de Gaza para o Exército israelense atacar. Não ficou claro se os outros presos também seriam executados.
"

Mais detalhes em:

http://oglobo.globo.com/mundo/hamas-executa-18-suspeitos-de-colaborar-em-ataques-aereos-na-faixa-de-gaza-13691338

Continuo mantendo minha oposição à pena de morte, a qual, nem em tempo de guerra se justifica.

Gaza, EUA, Cuba, China, Irã e outros que ainda desconheço.

BONDeblog S. O. disse...

José

Boa noite.

A atitude do Grupo HAMAS é de pura BARBÁRIE e típica de organizações onde impera a ilegalidade e o mais completo desrespeito pela VIDA e por um mínimo de ordem.

Ato BRUTAL, COVARDE e certamente INJUSTO.

Infelizmente, nessa sucessão de desmandos que ocorrem naquela região, não há nada ou ninguém capaz de colocar freio na violência. Uma criança de 4 anos morreu em ISRAEL vítima de um foguete do HAMAS. O Governo de Israel já avisou que vai retaliar. Resta saber agora, mais quantas crianças PALESTINAS vão perder a vida.

Um abraço

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS