terça-feira, 25 de março de 2014

AGÊNCIA S&P - O RISCO DE SER CLASSIFICADO POR BRAÇOS DA AGIOTAGEM INTERNACIONAL

QUADRILHA - MÍDIA PARTIDARIZADA SE JUNTA AOS AGIOTAS DO MERCADO PARA PEDIR JUROS ALTOS - ARROCHO - DESEMPREGO - REDUÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO E CORTES NA PREVIDÊNCIA


A agência de classificação de RISCO S&P (a exemplo das demais agências), NÃO PASSA DE UM BRAÇO DO CAPITAL INTERNACIONAL E DA AGIOTAGEM, que busca, com a prestimosa ajuda de parte da mídia bandida, e cabe aqui ressaltar, em se tratando de MÍDIA BANDIDA a brasileira pode dar aula a todas as outras do mundo, EMPAREDAR governos que não se submetem À RECEITA DE ARROCHO E FOME que buscam ver implantada mundo afora, visando gerar mais RIQUEZA para os poderosos e MAIS FOME para a maioria de cidadãos do planeta.

Só mesmo uma agência que ignorou o ROMBO DOS BANCOS EUROPEUS e AMERICANOS e não conseguiu enxergar o DESASTRE DAS HIPOTECAS nos Estados Unidos, pode, com base em argumentação totalmente desprovida de sentido, rebaixar a NOTA de crédito do Brasil nesse momento.

ESPANHA

Os manifestantes protestaram contra a política de austeridade, mas também denunciaram a taxa de desemprego de mais 26% e uma série de outras questões, como explicou uma jovem estudante, Angela Olivas: 
“Protestamos contra tudo – a educação, o sistema de saúde, as hipotecas, os cortes, a nova lei de segurança pública, não esqueçamos, pois é muito importante, e a enorme corrupção que temos em Espanha neste momento.”


LEIA AQUI A SITUAÇÃO DA ITÁLIA - De acordo com o que foi divulgado pela associação, um número de quase 4.1 milhões de italianos necessitados receberam cestas de alimentos ou refeições gratuitas, através de organizações sem fins lucrativos. Cerca de 303.485 desses novos pobres puderam ser beneficiados com alimentação oferecida em refeitórios comunais, enquanto 3.764.765 foi o número daqueles que, por vergonha, preferiram solicitar a entrega de cestas com alimentos na própria residência.


Quais são os parâmetros que a tal agência utiliza para colocar o Brasil no mesmo nível da ESPANHA, (BBB-) que está literalmente QUEBRADA, com desemprego maciço, BANCOS PRECISANDO DE SOCORRO, a UE tendo que aportar recursos para evitar uma MORATÓRIA, além de gravíssima crise SOCIAL, com movimentos separatistas, pessoas se suicidando por falta de condições para pagar ALUGUEL ou HIPOTECAS ? Colocar ITÁLIA, IRLANDA, ÁFRICA DO SUL e MÉXICO em nível muito acima do Brasil, é mostra da falta de boa técnica e métodos ou excesso de MAU CARÁTER por parte da referida AGÊNCIA.

Só mesmo uma imprensa CANALHA, como é parte expressiva da brasileira, aceita isso sem protestar e ainda por cima dá força e considera como importante essa AVALIAÇÃO de RISCO das referidas agências, todas elas DESMORALIZADAS.

Resta ainda a CERTEZA de que a atitude da S&P tem um ALTO GRAU de vontade de INTERFERIR nas próximas eleições presidenciais, favorecendo a corrente da OPOSIÇÃO que se alinha com o pensamento da AGIOTAGEM INTERNACIONAL, de que boa política ECONÔMICA é a que arrocha salários, gera desemprego, aumenta juros, dá LUCRO PARA BANQUEIRO e exige SANGUE, SUOR E LÁGRIMA de quem trabalha.

5 comentários:

H.P. disse...

Como o PAPA FRANCISCO já se posicionou a respeito, esses sujos integrantes dessa DIREITA MIDIATICA, que defendem e proliferam essas MENTIRAS igualmente IMUNDAS, NÃO PODEM SE INTITULAR CATÓLICOS!

Caso se intitulem "católicos", talvez já estejam, antecipadamente, EXCOMUNGADOS!

PAPA FRANCISCO DIZ NÃO ACEITAR MAIS TANTA MENTIRA DA DIREITA MIDIATICA. Além de defender o real catolicismo, colocar e reforçar os VALORES MORAIS E ÉTICOS QUE DEVERIAM SER DE TODAS AS RELIGIÕES/SEITAS, ou seja, PERSEGUIR E FALAR A VERDADE que outras religiões também fazem, ele, O PAPA FRANCISCO, esta defendendo a HUMANIDADE de tanta MENTIRA E FOME SEM FIM.

Ainda bem que Silvio Santos/Sheirazade e outros tantos mentirosos, NÃO SE INTITULAM CATÓLICOS. Talvez fossem EXCOMUNGADOS.

Essa é nossa opinião/observação desse "novo"(ao menos agora explicitado) posicionamento da Igreja.

RLocatelli Digital disse...

Passou o tempo do namorico do capitalismo internacional com o Brasil. A crise aguda dos EUA e da Europa exige que nos deixemos sangrar pelos rentistas e banqueiros. Se nos recusamos, as "agências de risco" rebaixam nossa "nota".

H.P. disse...

NOTÍCIAS DO FRONT.

ADIVINHA QUEM VEIO PRA LANCHAR?

CONFRATERNIZAÇÃO ENTRE AMIGOS
(Globo, MOSTRA O DARF - 1 bilhão de sonegação)

"A Rede Globo Nordeste não começou esta segunda-feira (24) muito bem. Na manhã de hoje a afiliada da emissora carioca em Olinda (PE) foi invadida por três bandidos que assaltaram um posto bancário dentro do local.

Durante a abordagem, os bandidos prenderam dois vigilantes e um funcionário do banco. Às 10h, os meliantes entraram na emissora, amarraram os funcionários com cordas e depois fugiram com o dinheiro do posto.

Em meio toda a confusão ocorrida hoje na emissora nordestina, o apresentador da emissora TV CLUBE, afiliada da Record, Cardinot, disparou um comentário bastante irônico para a concorrente no seu programa “Cardinot Aqui na Clube”: “A emissora ainda vai fazer uma série de reportagens dizendo que a violência em pernambuco está reduzindo(isto a Globo faz em são paulo para defender o PSDB - nosso) (tvfoco.pop.com.br)..".

Na volta. Os "amigos" do alheio estão atrás dos CEM ANOS DE PERDÃO!

José Antônio disse...

Líder de extrema-direita é morto após tiroteio na Ucrânia

"O coordenador do Pravy Sektor (setor de direita), partido radical da extrema-direita na Ucrânia, Alexander Muzichko, morreu na madrugada desta terça-feira após ser ferido em um tiroteio com a polícia de Kiev, informou o vice-ministro de Interior do país, Vladimir Yevdokimov.

Muzichko, um dos líderes mais violentos do movimento ultranacionalista que se transformou em braço armado da revolução que derrubou o regime de Viktor Yanukovich em fevereiro, abriu fogo contra a polícia quando estava prestes a ser detido.

"O tiro disparado por Muzichko atravessou os óculos do agente e a bala ficou presa em seu capacete. O policial ferido disparou contra as pernas do fugitivo. Depois, durante a prisão, houve resistência e foram ouvidos disparos", esclareceu o vice-ministro em entrevista coletiva.

O coordenador do Pravy Sektor na cidade de Rivne, no oeste da Ucrânia, "morreu na ambulância" por causa dos ferimentos dos disparos recebidos, detalhou Yevdokimov.

A polícia, que ia prender o ativista do partido radical como suspeito de participar de um grupo armado, capturou outros três membros da organização criminosa dirigida por Muzichko e também apreendeu um fuzil Kalashnikov e uma pistola.

Pouco antes das informações oferecidas pela polícia, o deputado ucraniano Oles Doniy escreveu em seu perfil do Facebook que Muzichko tinha sido assassinado a sangue frio.

"Dois carros bloquearam a passagem de seu veículo. O jogaram no chão com as mãos algemadas atrás das costas e lhe deram dois tiros no coração", escreveu o deputado independente.

Muzichko ficou famoso na Ucrânia e na Rússia depois que apareceu na internet em vários vídeos. Em um deles, o ativista aparecia com um fuzil Kalashnikov nas mãos e intimidava os deputados da assembleia regional de Rivne. Em outro, era mostrado agredindo, ameaçando e humilhando o promotor dessa região.

A Procuradoria Geral da Ucrânia abriu uma ação penal por esses incidentes contra o coordenador do Pravy Sektor, mas não chegou a prendê-lo, nem a apresentar uma acusação formal contra ele.

Já a Justiça russa emitiu uma ordem de busca e captura internacional contra Muzichko como suspeito de vários assassinatos e torturas durante as duas guerras da Chechênia (1994-2000).

O Comitê de Instrução da Rússia acusava o coordenador do partido ucraniano de ter assassinado pelo menos 20 soldados russos que eram mantidos como prisioneiros por guerrilheiros chechenos no ano 2000. Yarosh também é acusaso de incentivar atos terroristas e extremistas contra a Rússia.

No último sábado, o congresso de fundação do partido Pravy Sektor elegeu Dmitri Yarosh como líder da legenda política e o nomeou como candidato às eleições presidenciais de 25 de maio.

O Pravy Sektor foi a principal força de choque dos manifestantes nos enfrentamentos que ocorreram em fevereiro em Kiev e é uma organização que agrupa vários grupos de extrema-direita, inclusive membros das torcidas organizadas de times de futebol.
"

A notícia, ao final, é um pouco confusa. O que esse Dmitri Yarosh tem a ver com a história toda?

O original pode ser lido em:

http://noticias.terra.com.br/mundo/europa/lider-de-extrema-direita-e-morto-apos-tiroteio-na-ucrania,89f668d5cdfe4410VgnCLD2000000ec6eb0aRCRD.html

José Antônio disse...


A primavera árabe...

Egito: outros 683 serão julgados após pena de morte para 528

"Julgamento acontecerá em tribunal que condenou à morte mais de 500 pessoas na segunda-feira; desde a derrubada de Mursi, mais de 1.400 morreram pela repressão

Outros 683 partidários do presidente islamita Mohamed Mursi, deposto pelo exército, são julgados nesta terça-feira pelo mesmo tribunal que na véspera condenou à morte 528 acusados, uma decisão considerada pela ONU como violação do direito internacional.

Entre os acusados está Mohamed Badie, o guia supremo da Irmandade Muçulmana, a influente confraria à qual pertence Mursi e que foi declarada uma "organização terrorista" pelas novas autoridades egípcias. Badie não esteve presente no banco dos réus nesta terça-feira.

Das 529 pessoas condenadas à pena de morte, apenas 153 delas estão detidas, enquanto as outras estão foragidas. A decisão provocou a reação imediata da comunidade internacional.

Desde que o exército derrubou Mursi, no dia 3 de julho, 1.400 de seus partidários morreram pela repressão e outros milhares foram detidos.

A ONU declarou nesta terça-feira que a condenação em massa é um atentado ao direito internacional.

"O assombroso número de pessoas condenadas à morte neste caso não tem precedentes na história recente. A imposição em massa da pena de morte após um julgamento marcado de irregularidades, é uma violação ao direito internacional e aos direitos Humanos", afirmou um porta-voz do Alto Comissário da ONU para os Direitos Humanos, Rupert Colville.

"Um julgamento em massa de 529 pessoas e que durou dois dias não pode ter respeitado às exigências mais fundamentais de um julgamento justo", acrescentou Colville.


O porta-voz também criticou a ausência de muitos acusados no tribunal.
"

Ler mais em:

http://noticias.terra.com.br/mundo/africa/egito-outros-683-serao-julgados-apos-pena-de-morte-para-528,65e8ffa8929f4410VgnCLD2000000ec6eb0aRCRD.html

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS