terça-feira, 14 de junho de 2016

LULA NAS MÃOS DE SÉRGIO MORO - TEORI MANDA ANULAR PROVAS DO GRAMPO ILEGAL COM DILMA




O ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki, relator da Lava Jato na Corte determinou nesta segunda-feira, 13, a remessa das investigações envolvendo o ex-presidente Lula para o juiz Sérgio Moro, responsável pela Lava Jato em primeira instância, em Curitiba. 

Na decisão, o ministro ainda anulou as escutas do ex-presidente em diálogo telefônico com Dilma Rousseff em março deste ano e apontou que Moro usurpou a competência do STF ao autorizar os grampos que pegaram a presidente.

Dilma foi captada em uma conversa com o ex-presidente em que o avisa sobre o envio de um documento de posse do ex-presidente como ministro da Casa Civil. Por uma decisão de Moro, os áudios foram tornados públicos, aumentando ainda mais a crise vivida pelo governo Dilma. Como consequência, o ministro Gilmar Mendes, do STF, acolheu um pedido para barrar a posse de Lula na Casa Civil.

Entre as investigações que devem voltar para Moro estão a que envolve se Lula é ou não dono de um sítio em Atibaia e a sobre de um triplex em Guarujá, ambos imóveis que receberam reformas custeadas por empreiteiras investigadas na Lava Jato. Com isso, as investigações voltam para o juiz da Lava Jato que, no dia quatro de março determinou a condução coercitiva de Lula, quando o investigado levado a depor pela Polícia Federal, para explicar as suspeitas envolvendo os dois casos polêmicos.

Sobre as escutas, Teori afirma que o juiz de Curitiba usurpou a competência do STF ao divulgar e fazer gravações de pessoas que detinham foro privilegiado. O ministro do Supremo também diz que a nulidade da prova colhida deve ser penas das escutas telefônicas captadas após a decisão que determinou o encerramento da interceptação, em 16 de março.

A decisão de remeter as investigações contra Lula para Moro acata em parte a manifestação do procurador-geral da República Rodrigo Janot, que solicitou à Corte a remessa dos autos das investigações envolvendo o petista para a primeira instância, já que ele não tem foro privilegiado.

Fonte: MSM

Uma hora isso tinha que acontecer e, o quanto antes melhor. Vejamos qual será o passo da República de Curitiba. São muitas as teorias e possibilidades, uma delas, é que prendendo LULA, pode-se prender todo mundo. Outra é que o ex-presidente não será preso, pelo menos por enquanto. Vai ficar na "geladeira". Se tiver eleição, e ele se candidatar... 

Até aqui, tirando as reportagens porcas de revistas, não se viu nada de concreto contra Lula. Mas, a REPÚBLICA DO PARANÁ prende e arrebenta quem ela quer. Já tem gente presa provisoriamente por mais de um ano, gente condenada em 1a. instância, sem direito a recorrer em liberdade...soltos só os BANDIDOS que delataram até a própria mãe, e continuam com boa parte do dinheiro confessadamente ROUBADO.

007BONDEBLOG

Um comentário:

Trezentos de Esparta disse...

Destaque-se que "as provas" não provavam coisa alguma.

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS