domingo, 18 de maio de 2014

O GLOBO JOGA A TOALHA E ENFIM ADMITE: VAI TER COPA !

HÁ 25 DIAS DO JOGO INAUGURAL O JORNAL PUBLICA EDITORIAL EM QUE APOSTA NA ALEGRIA DAS RUAS, NA ATENÇÃO DO POVO NOS JOGOS E NA SELEÇÃO, E NO ARREFECIMENTO DOS MOVIMENTOS DE PROTESTO.


OPINIÃO - BOA APOSTA

PARECE CORRETA a expectativa do governo e organizadores em geral da Copa de que, à medida que que se aproxima a hora de a bola rolar, a atenção das ruas se concentre mesmo é no futebol.

AS MANIFESTAÇÕES do meio de semana já foram menores do que as anteriores. E assim, espera-se, deverá ser até 12 de junho. Outro termômetro são as multidões que a TAÇA do MUNDO atrai na excursão que faz pelo país.

SÓ EM Macapá, 10 mil pessoas foram ver o caneco, bem mais do que todos os manifestantes anti-Copa dos últimos protestos, no país inteiro, somados.

O movimento, tudo indica, de fato não se conectou com o espírito do brasileiro.

O Globo - País - Opinião - Pág. 7 - Domingo 18/05/2014

=====================================================================

Nota do Blogueiro: Não é preciso dizer nada.

18 comentários:

lRM disse...

O Globo precisa que tenha Copa, assim como toda a imprensa e o governo. São bilhões em negócios que serão gerados entre eles, e só para eles.

O povo só será chamado para pagar a conta, como de hábito.

José Antônio disse...


Era de se esperar. A Globo não iria dar um tiro no pé.

A Globo leva muita fé nesta Copa para poder diminuir seus recentes prejuízos.

Seus patrocinadores também estão interessadíssimos no sucesso da Copa.

Tudo isso, entretanto, não desmerece a realização da Copa no Brasil. É uma grande oportunidade de termos publicidade internacional para o país a um custo reduzido.

Evidentemente, desde que os black blocs e coxinhas não sabotem o país.

A briga da Globo contra o governo pode esperar. Primeiro os lucros a serem retirados da Copa. Depois a briga contra o Governo.

BONDeblog S. O. disse...

José

O recuo da Globo é estratégico. Entre o dinheiro e a ideologia, o dinheiro.

Imagina a Globo que já está carimbada de ficar favorável à DITADURA, e conta as DIRETAS JÁ, receber mais um CARIMBO de sabotadora da Copa e de torcedora das ARGENTINA ?

José Antônio disse...

O palanque

"Depois de ciscar em todas as direções e flertar com alguns candidatos, o tucano Aécio Neves se rendeu à realidade. Nos próximos dias, ele deve anunciar que seu palanque no Rio será o do candidato do DEM ao governo, Cesar Maia."

http://oglobo.globo.com/blogs/ilimar/posts/2014/05/18/aliviados-535641.asp

O bom filho à casa torna.

É um filho que tem pais muito influentes: FHC, Serra, Pimenta da Veiga, Yeda Cruzes e, agora, Cesar Maia.

Em outras palavras, filho de peixe, peixinho é.

LRM disse...

"Tudo isso, entretanto, não desmerece a realização da Copa no Brasil. É uma grande oportunidade de termos publicidade internacional para o país a um custo reduzido."
****************
50 bilhões de dólares é o montante desse "custo reduzido". Fantástico, Sr. José Antônio. E o pior é que o há risco de ser uma tremenda propaganda negativa. Aliás, já está sendo com as sucessivas denúncias de corrupção, atraso nas obras e precariedades na saúde, educação e segurança.

LRM disse...

O palanque de Aëcio Neves no Rio não poderia ser outro. Crivella é da base aliada, assim como Pezão. Lindebergh é do governo. Sobram César Maia e Garotinho. Fico com o primeiro.

E saiba, Sr. José ANtônio, que toda a base do Cabral fechou com Aëcio, se quer saber.

Aëcio vai ter um bom palanque no Rio, bem melhor do que o Serra teve. Acredito que aqui no RJ, a Dilma perde.

lRM disse...

'Financial Times' faz crítica dura contra presidente Dilma

Atraso dos preparativos para a Copa do Mundo, a economia em queda e a fuga de investidores são apontados como consequências da má gestão do governo atual


Editorial começa com "Pobre Dilma Rousseff" e faz dura crítica à presidente brasileira (Ueslei Marcelino/Reuters)

"O país precisa de um choque de credibilidade. Se Dilma não entregá-lo, as eleições presidenciais de outubro o farão", diz FT
O jornal Financial Times pede um "choque de credibilidade" no Brasil. Em editorial publicado no domingo, a publicação argumenta que se o governo de Dilma Rousseff não mudar de rumo, as eleições presidenciais podem resultar em uma mudança. Segundo a publicação, o Brasil enfrenta três desafios imediatos: o caso Pasadena da Petrobras, o fornecimento de energia elétrica após a recente seca e a chance de protestos e insucesso da Copa do Mundo. "O país precisa de um choque de credibilidade. Se Dilma não entregá-lo, as eleições presidenciais de outubro o farão."

O editorial tem um tom duro contra a presidente brasileira, apresentada como "Pobre Dilma Rousseff" no início do texto. Para o Financial Times, a presidente do Brasil projetava "uma aura tediosa da eficiência de Angela Merkel", mas resulta em um trabalho mais parecido com o dos comediantes Irmãos Marx. "Os preparativos atrasados para a Copa do Mundo já envergonham o país, enquanto o trabalho para os Jogos Olímpicos de 2016 é classificado como 'o pior' que o Comitê Internacional já viu. A economia também está em queda. O Brasil, uma vez que o queridinho do mercado, vê investidores caindo fora", diz o texto.

José Antônio disse...

"E saiba, Sr. José ANtônio, que toda a base do Cabral fechou com Aëcio, se quer saber.

Aëcio vai ter um bom palanque no Rio, bem melhor do que o Serra teve.
"

Huuum!!! Agora, Cabral é o bom governador a ser cortejado pelos tucanos...

O mundo gira e a Lusitana roda.

José Antônio disse...

"'Financial Times' faz crítica dura contra presidente Dilma"

Deveria fazer suas críticas ao governo do Primeiro Ministro Inglês, David Cameron.

"O primeiro-ministro britânico e a mulher esqueceram-se da filha de oito anos num pub, onde beberam algumas canecas de cerveja com um grupo de amigos, no domingo. A criança ficou sozinha no bar durante 15 minutos à espera que o pai a fosse buscar.

A notícia faz, esta segunda-feira, manchete no jornal britânico "The Sun", e já foi confirmada pelo gabinete de David Cameron. Numa nota enviada aos jornais, é explicado que "o primeiro-ministro e a mulher, Samantha, ficaram transtornados quando perceberam que que Nacy não estava com eles. Felizmente, quando telefonaram para o pub perceberam que ela estava lá e encontrava-se bem".
"

Se não tomarmos cuidado, o próximo presidente do Brasil pó fazê coisa pió...

José Antônio disse...

"50 bilhões de dólares é o montante desse "custo reduzido"."

A maior parte desse montante é para a infraestrutura que deverá permanecer após a Copa.

"E o pior é que o há risco de ser uma tremenda propaganda negativa"

Sempre há esse risco quando se confundem os interesses do país com interesses político-eleitorais.

Para certos políticos, vale mais a pena fazer propaganda negativa do país, se, na falta de outros argumentos mais consistentes, isso ajudar a desfazer a imagem de um adversário político.

José Antônio disse...


A tática de falar mal do Brasil lá fora é danosa para o país e, como tem sido comprovada nas últimas eleições, não ajuda à oposição.

Insistir nessa tática é insistir no mesmo erro que tem sido a causa da derrota sistemática dessa oposição.

O povo brasileira tem sabido dar a resposta adequada a esse tipo de comportamento.

E a resposta virá, mais uma vez, em outubro.

Quanto ao Financial Times, sabemos muito bem como são os conselhos dados pelas raposas às galinhas, suas vítimas preferenciais.

Quanto mais indefesas, melhor.... para as raposas.

LRM disse...

Diz aí, Sr. José Antônio,
que infraestrutura ficará para o povo brasileiro após a Copa?
Será o tal Trem-bala que a Dilma garantiu para 2014? Ou será o estádio de Brasília onde sequer existe time de futebol, além do Gama? Temos ainda uma meia-dízia de estádios situados em lugares sem nenhuma tradição no futebol. Vão virar elefantes-brancos até a completa deteriorização. Dinheiro jogado no lixo. Aqui no Rio sabemos bem qual foi o legado do Pan.

De resto, continuo sem saber qual será o legado da Copa.

José Antônio disse...

"De resto, continuo sem saber qual será o legado da Copa."

Apenas uma pequena amostra:

"A diretora do Escritório da Organização Internacional do Trabalho (OIT) no Brasil, Laís Abramo, afirmou que os dois compromissos que foram assinados no evento – o “Compromisso Nacional pelo Emprego e Trabalho Decente na Copa” e o “Compromisso para Aperfeiçoar as Condições de Trabalho na Copa do Mundo da FIFA 2014”, específico para o setor de Turismo e Hospitalidade – significam um salto de qualidade.

“Os compromissos dão uma nova dimensão ao esforço que vem se desenvolvendo no país para a construção de uma agenda preventiva e propositiva voltada à promoção do Trabalho Decente na Copa, que vem se concretizando também na assinatura de compromissos do mesmo tipo em 8 das 12 cidades-sede. A OIT parabeniza fortemente o Brasil por essa iniciativa”, disse Abramo.

Os dois compromissos nacionais são fruto de um importante processo de diálogo social tripartite que conta com o apoio técnico e institucional da OIT. O evento marcou a assinatura dos documentos pelos ministros do Trabalho e Emprego, da Secretaria-Geral da Presidência, do Esporte e do Turismo, além de confederações de empregadores, centrais sindicais, empresas e associações.

O Compromisso Nacional de caráter mais geral é coordenado pelo Ministério do Trabalho e Emprego, em parceria com o Ministério do Esporte e com as áreas do governo federal que integram o Subcomitê de Promoção do Trabalho Decente nos Grandes Eventos do Comitê Executivo Interministerial da Agenda Nacional do Trabalho Decente.

O compromisso específico para o setor de Turismo e Hospitalidade, voltado para os trabalhadores do setor – estimados em mais de um milhão de pessoas, apenas nas áreas de hotelaria e alimentação das cidades-sede da Copa – é coordenado pela Secretaria-Geral da Presidência da República e pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

Seus principais objetivos são assegurar os direitos fundamentais do trabalhador estabelecidos pela OIT e as normas coletivas (acordos e convenções), além de promover a segurança e a saúde no trabalho, a oferta de cursos de capacitação e iniciativas de inclusão laboral voltadas, especialmente, para jovens, mulheres, negros, migrantes e pessoas com deficiência.

O combate ao trabalho forçado e infantil, ao tráfico de pessoas, bem como à exploração sexual de crianças e adolescentes também fazem parte do compromisso.
"

Fonte: ONU Brasil

http://www.onu.org.br/oit-elogia-compromissos-brasileiros-pro-trabalho-decente-na-copa-do-mundo/

E quem não estiver cego, poderá constatar que, ainda que com algum atraso, estarão sendo ampliadas, duplicadas e construídas novas rodovias, novas ferrovias, ampliação de portos e aeroportos além de diversos projetos de mobilidade urbana nas principais cidades do país, principalmente aquelas que serão sedes de jogos na Copa.

Quanto aos atrasos, até parece que ninguém aqui tentou fazer alguma obra em seu condomínio ou em sua residência: todos os prazos são ultrapassados, todos os orçamentos são subestimados.

Desafio alguém fazer qualquer obra privada, ainda que simples, em que prazos e orçamentos sejam mantidos conforme estipulados no início da mesma.

LRM disse...

"Os compromissos dão uma nova dimensão ao esforço que vem se desenvolvendo no país para a construção de uma agenda preventiva e propositiva voltada à promoção do Trabalho Decente na Copa,"
******************
Noooooooooossa! Tudo isso? Coitada da Dilma, vai ficar cansada de tantas tarefas.......rsrssrsrsrsrsr

SObre o trabalho infantil, a menos de 1 mês da Copa nada mudou. Vai ser como o Trem-Bala, uma piada.

E não vai faltar coisa para os ingleses verem, a maior parte dos torcedores estrangeiros virá das ilhas britânicas.....rsrsrsrsrsrsr

Resumindo: O SALDO SERÁ ZERO!

José Antônio disse...


Quando vejo certas pessoas que enchem a boca para falar contra a corrupção, exigindo educação e saúde padrão FIFA, fico pensativo.

Todos sabem que a FIFA é, há muitos anos, um antro de corrupção. O que querem essas pessoas ao exigir padrão FIFA para nossas escolas, universidades, hospitais e pronto-socorros?

LRM disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Jbmartins-Contra o Golpe disse...

O Interesse da Globo é criar um caos, querem eleger o Aécio Pro Arroucho e Eduardo, assim como elegeram Collor.

Você que é pago ou manipulado para fazer os outros acreditar coisas fora do real, lembra o que voce e seus familiares pode perder com sua mentira.

BONDeblog S. O. disse...

Sra. Lucia

O comentário com uma suposta frase de Zagallo foi excluído.

Não há espaço aqui para boatos e imputações de afirmações não comprovadas.

As REDES SOCIAIS estão hoje, ocupadas em grande parte por correntes muito violentas e sem compromisso com a decência. E isso por militantes do PT e dos contratados de PSB e PSDB.

Não entro nessa e não permito que esse tipo de coisa entre aqui.

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS