PÁGINA DE NOTÍCIAS - INTERNACIONAL

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

GOVERNADOR SERGIO CABRAL, O MEIER PRECISA DE UMA UNIDADE DE POLÍCIA PACIFICADORA NO MORRO DA CAMARISTA MEIER E AÇÕES SOCIAIS.

O Clube Nevada (PEDRA NEGRA) praticamente desativado pela violência do tráfico e das milícias, fica no alto do Morro da Camarista. Um local que poderia ser plenamente utilizado pela população da região. Quem sabe uma vila olímpica, ou uma sede do Criança esperança da UNICEF.


Uma iniciativa que traria grande benefício para a Região do Grande Méier seria a de instalar uma UPP (Polícia Pacificadora) no Morro da Camarista Meyer e levar para essa comunidade os serviços públicos e a presença do estado promovendo cidadania.

Por ser uma favela de porte entre pequeno e médio, e com pequeno número de acessos para ser controlado, o trabalho de implantar o policiamento não demandaria um grande efetivo.

A Comunidade da Camarista tem sido alvo de disputa entre tráfico e milícia, com prejuízo para os moradores do “morro” e do “asfalto” num raio bastante grande de extensão. É sabido também que, grande parte do número de ações criminosas (assalto a pedestres e roubo de veículos principalmente) cometidos na área de Engenho de Dentro, Todos os Santos, Lins, Encantado e Parte do Méier que tem a Rua Dias da Cruz como referência, são cometidas por quadrilhas que estão estabelecidas naquele morro.

A facilidade com que os criminosos entram e saem com veículos roubados, seria automaticamente interrompida, e os cidadãos de bem que ali residem, deixariam de estar sob o pesado jugo do crime, seja do tráfico, seja dos milicianos.

UM POUCO DE HISTÓRIA
O Méier faz divisa com os bairros do Lins de Vasconcelos, Engenho de Dentro, Cachambi, Engenho Novo e Todos os Santos. É no bairro que se localiza o primeiro Shopping Center do Brasil, o Shopping do Méier, inaugurado em 1963.

No século XVIII o bairro era uma fazenda de CANA DE AÇÚCAR. Em 1760 houve desentendimentos entre os Jesuítas (os donos da fazenda) e a Corôa Portuguesa que os expulsou do Rio de Janeiro. A fazenda então foi dividida em três partes, e Dom Pedro II “deu de presente” a um amigo parte das terras.

Esse amigo tinha o nome de Augusto Duque estrada Meyer (filho do Comendador Miguel Meyer), um português, dos mais ricos da cidade, e conhecido como Camarista Meyer por ter livre acesso às Câmaras do Palácio Imperial.





<<<<>>>>

28 comentários:

Anônimo disse...

Seria uma maravilha a implantação da UPP na camarista meier, é um lugar perfeito para desenvolver trabalhos voltados a criaças carente e segurança publica entorno do grande meier. Peço tbm trabalho conjunto com a cedae para implantação de uma grande caixa d'aqua para abastecer a comunidade.

007BONDeblog disse...

Prezado anônimo

Está em nossas mãos difundir essa idéia.

Grato pela presença e um grande abraço

Anônimo disse...

seria uma grande ideia implantar upp aqui na camarista meier pois nossas crianças teria mais liberdades de brincar e se divertir pois aqui tem muitos roubos de carros nos quais traficantes andam em alta velocidades fazendo com que não temos tal liberdade, e tbm temos um exelente clube que daria um grande projeto para nossas crianças e diminuiria muito assaltos aqui na região do grande meier

Anônimo disse...

daria uma otima upp pois alen de ser proxima a um dos acessos da linha amarela os traficantes abusan de roubos de carros moro proximo ao morro e fico babarizado com que eu vejo muitos carros roubados subindo e descendo em alta velocidade e constantimente assaltos e essa comunidade tem muitos valores que esta sendo esquecido por conta deste contecimento

Anônimo disse...

Realmente seria um sonho se tornando realidade. Falo não só por mim mas como todos os outros moradodes de bem que habitam na Camarista Méier.
Gosto de onde moro mas infelizmente tenho que conviver com os vermes que barbarizam não só no asfalto como também aqui onde residimos, no nosso próprio morro. A situação da camarista hoje em dia vai piorando a cada dia. Infelizmente temos que conviver sem o respeito dos bandidos,das suas mulheres, de viciados, de toda essa escória ..
Existe um grupo de "crianças" mais conhecidos como os "menores da caixa baixa" aterrorizando não só a Camarista como outros bairros ao redor. Com a implantação da upp talvez poderiamos resocializar essas crianças marginalizadas, que idolatram a violência e a comentem constantemente!
Nós moradodes da Camarista Méier apoiamos e aguardamos ansiosamente a vinda da UPP !!!

Anônimo disse...

Prezado Amigo,
Concordo com você na questão da implantação de uma UPP na região, mas eu discordo em transformar o clube em centro social público EXCLUSIVO. A sede campestre Nevada (antigo Clube Pedra Negra) é uma instituição privada, sob a administração do Nevada Clube Hotéis com a participação dos seus sócios proprietários. Por conta da violência que assola a nossa cidade, vários sócios deixaram de freqüentar o clube, mas não desistirão de sua sede. É uma questão de tempo para a paz volte se estabelecer e que os velhos e bons tempos retornem.
Um abraço
Xavier

Anônimo disse...

concordo e acho que estão demorando muito, quem sabe esses "fora da Lei" não mudem com os trabalhos socias?
Agradeço a oportunidade de me expressar.
Muitos jovens estão nessa vida por falta de oportunidades.
Prefeito, faça alguma coisa que presta, não é de hoje que eu venho pedindo trabalhos sociais naquela área,só há uma creche, que por sinal é um trabalho social.(UM TRABALHO SOCIAL).
Obrigada.

Anônimo disse...

Boa noite a todos,
Após ler os comentários dos colegas acima, cheguei a uma simples conclusão:

"todos nós moradores queremos a presença do estado aquí em nossa comunidade".

Já existe um trabalho social esportivo(NEVADA/SUDERJ-GOV.ESTADO-RJ) nas dependências do Clube Nevada Campestre, Meu filho pratica futebol e capoeira com dois Professores que lá estão ha vários anos.
E após conversar com o Professor de futebol; Descobrí que o trabalho era voluntário(0800), E só apartir de junho de 2010 é que houve uma parceria entre NEVADA/ESTADO, e que deste trabalho já se formaram 2 atletas profissionais e 2 são amadores no Botafogo F.R.
"O trabalho é focado no desenvolvimento humano e a idéia é formar cidadão com responsabilidade social com Direitos e Deveres e digo ainda: Se o Clube estivesse em funcionamento seria melhor aproveitado e todos seriam beneficiados".

Um abraço á todos.

Anônimo disse...

Olá, bom dia,

Agradeço ao criador deste blog.
Por nos dá oportunidade e liberdade de se expressar, Prabéns!!

Quanto ao comentário descrito acima, segundo meu entendimento, o trabalho desenvolvido é de formiguinha e poderia ser melhor(Reforço alimentar para as crianças que praticam atividades esportivas), mas não posso deixar de observar que já é um grande ganho, principalmente para aquelas crinças que vivem em extremo risco social e já tem como referências, os quatro colegas que deram certo.

Fiz minha pesquisa de campo e descobrí que na Serra dos Pretos Forros(Morro da Camarista Meyer),existe um trabalho de reflorestamento, este trabalho gera oito empregos diretos para os moradores local.

É um ganho sicnificativo, pena que os olhos da Imprensa estão virados para as Comunidades da Mngueira, Rocinha... Por que não a Camarista Meier? Por que só frequentamos as páginas policiais? O Clube Nevada está lá(Duvido que nas comunidades citdas exista um clube campestre tão bonito e pradisíaco?), o estádio do engenhão é visto de lá, os moradores são ospitaleiros, resumindo; o Engenho de Dentro está na moda!!!

Vamos ajudar a tirar aquelas crinças do ostracismo e das garras do tráfico, porque
direta e indiretamente, todos sofremos com isto, "nós aquí do morro", e os comerciantes e moradores ordeiros do asfalto(Grande Méyer).

vamos refletir sobre o assunto.

Minha indentificação neste blog será feita em breve.

Um abraço a todos.

kadu disse...

o morro da camarista meier precisa da upp

kadu disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

o morro ta abandonado ta um matagal lixo em qualquer lugar na rua,não tem nenhuma quadra para as crianças praticar esportes ,ocupa a mente,não tem divertimento,nas ruas não tem asfalto,o morro é todo apagado não tem luzes nos postes esse morro c.m precisa de reforma total,etc(morro camarista meier)

Jansen Sousa disse...

Bom dia governador, aguardamos respostas quanto a criação de uma UPP, aquí em nossa Comunidade.
Todo dia novos jovens são recrutados para o tráfico aquí na Camarista Meier.

Colegas, comentem sobre estes assuntos descritos aquí neste blog, falem a outros moradores e deixem seus comentários, creio que só assim, poderemos sensibilizar as autoridades deste Estado, para que olhem para nós.

Um abraço a todos.

Anônimo disse...

Olá, uma boa tarde á todos os moradores ordeiros da Serra dos Pretos Forros, chamada carinhosamente de Camarista Méyer(Augusto Duque Estrada Meyer).
A nossa Comunidade está precisando do "BRAÇO" DA LEI.
Porque digo isto, porque os tentáculos do mau estão em diversos setores daquela comunidade.
A vários anos, o tráfico de drogas se instalou e determina o que pode e o que não pode ser feito por moradores local e quem se opõe sofre retaliação.
No principio(1990) era só a venda de drogas,
mas de uns anos prá cá tudo mudou "eles" distituiram o presidente(eleito livremente a vista de todos) da associação de moradores e fizeram daquela entidade, extensão da casa do traficante local "dono do morro" "Imperador" Sergio da Costa Brum.
Aquela associação, além de ser dominda por seus familiares, ainda é usada como depósito de gáz.
Diversas casas de moradores que se opuseram ao tráfico foram tomadas e "repartidas" entre familiares do "dono do morro", "Imperador" Sergio da Costa Brum.
Esta associação de moradores determina quem pode e quem não pode vender gáz na comunidade, determina qual candidato politico que pode divulgar sua propaganda, a cervejaria que após pagamento de "pedágio" recebe uma autorização para que seus caminhôes circulem no local.
Aquela associação de moradores e sua diretoria não fezeram eleições legais, todos recebem
"uma ajuda de custo financeiro" de um tal candidato(?)politico para "autorizar" o candidato a circular e ter sua propaganda divulgada livremente naquela comunidade.
Qualquer morador que fizer politica aberta contraria a seus "apadrinhados" politicos ou que divulgue outro candidato, corre o risco de ser espulso do morro.
Candidato tal(?) após fazer acordo com o "dono do morro" "Imperador" Sergio da Costa Brum, pagou dívida antiga daquela entidade e conseguiu junto aos orgãos publicos licença para operar de novo, o CNPJ daquela associação, que estva mergulhado em dívidas e falcatruas por desvios de verbas, materiais e funcionários fantasmas.
A gestão atual, é a mesma que produziu todas aquelas irregularidades anteriores. como pode isto? o ilegal, virou "legal" ?.
Este candidato terá uma surpresa nas eleições, os moradores estão em silêncio, os moradores não gostam deste método de fazer política, os moradores não concordam com aquela gestão, nem com seu diretores "foras da lei".
por isso candidato! o senhor está atirando no próprio pé, e terá uma surpresa.
Minha vó já dizia: "Quem com porco se mistura, farelo come".


comentem.

Um abraço a todos moradores do meyer e adjacências.

Jansem Sousa disse...

que comentário é este, descrito acima ?
este anônimo tem profundo conhecimento de causa. Se isto for verdade, todos os envolvidos deveriam ser presos imediatamente.
desafio o chefe do poder executivo junto com as autoridades constituidas deste Estado a averiguar o fato.

Anônimo disse...

confirmo tudo que descreví, e duvido que algum morador de BEM desta comunidade negue o fato descrito.
E tem mais, qualquer cidadão que passar no largo da camarista neyer, não poderá dizer que não viu o depósito de gáz que está situado em frente a associação de moradores.
Cadê a licença para operar aquele depósito?
e duvido que a tenha.
Digo ainda: segundo "burburinhos" na comunidade, o depósito é fruto de um acordo feito entre o "dono do morro" o "Imperador" Sergio da Costa Brum junto com sua corja(seus familiares que estão instalados naquela associação) e um POLICIAL CIVIL(?).
A prova disto é que diversas viaturas que fazem incursões naquela comunidade, especificamente naquele largo, não questionam e não combatem aquele crime, estes policiais, fazem "vistas grossas" para o ocorrido, duvido que seus olhos ainda não viram aquele depósito de gáz.
No futuro(próximo), quando forem interpelados por suas CORREGEDORIAS,não poderão negar que não viram.

Autoridedes constituidas deste Estado, que trabalham sério, e que de algum modo NÃO estão na folha de pagamento deste corviu de marginais, tomem uma atitude, saiam deste ostracismo e façam com que o BEM prevaleça sobre o mau.
não quero que no futuro, algum servidor publico(seja de qualquer esfera) venha nos dizer: "não sabiamos disto".
hipócritas!! homens sem fibras!! e descompromissados com o BEM comum !!.
Estes servidores do mau(alguns policiais), tinham que ter escolhido outra profissão, menos a de defender a população.

José "Mauricio" S. Silva disse...

Que me desculpe o Autor, mas vou Pegar um gancho na sua história,
Crendo que seja para enriquecimento de todos.

Comentando um pouco a história do MEYER

...Os JESUITAS foram expulsos do BRASIL em 1749 pelo MARQUES DE POMBAL e partes de suas terras aquí no RIO DE JANEIRO, voltaram para a COROA; apartir daí, partes delas foram doadas, sendo benefeciado O SR° AUGUSTO DUQUE ESTRADA MEYER(Ou Camarista do Passo, como era conhecido no IMPERIO).
Suas terras iam da rua ARISTIDES CAIRE até as vertentes da SERRA DOS PRETOS FORROS(Atual Morro da Camarista Meyer)...
_______________________________________________

Contarei outro dia a História do Médico e Major do Exército, o Sr° Modesto Benjamim Lins de Vasconcelos...

Um abraço a todos.

José "Mauricio" S. Silva disse...

Salve Brasil

Parabéns a todos os nordestinos espalhados no brasil, pena que ainda haja muito preconceito e discrimação por parte de alguns brasileiros com respeito aos nordestinos.
nordeste este riquíssimo em história do brasil, de homens livres, fortes, trabalhadores e por vezes rudes; rudes por cultura, não por insensatez, talves do ignorância, não por malícia, talvez por defesa, homens que se adaptam em qualquer parte do brasil ou talvez do mundo? por vezes crêem não serem brasileiros, povo sofrido, esquecido, não contam mais com o Conde MAURICIO DE NASSAU, que modernizou RECIFE, e que se estivesse lá até hoje, creio que todo o nordeste figuraria entre as mais belas e modernas regiôes mundiais...era o que estava acontecendo naquela época...

Chega, de CASA GRANDE E SENZALA.

Somos todos brasileiros e filhos do mesmo CRIADOR.

Fiquem com Deus.

Anônimo disse...

em vista de outros morros a camarista meier é morro mais tranquilo pra se viver,tem tantas comunidade precisano de ajuda com rocinha,mineira,macaco,jacare,lugares onde se encontra muitas crianças ligada ao trafico precisano de um futuro melhor.

Anônimo disse...

Boa noite Bond, e os colegas deste Blog

Lí a matéria posta em um jornal aquí do Rio.
Em primeiro momento, EUFORIA TOTAL, euforia que está no consciente popular de todos aquí.
Mas confesso que após a explosão de alegria, veio a preocupação.

Fui procurado por diversos moradores da comunidade Camarista Meyer com preocupações diversas e confesso que me convenceram.

Minha preocupação é com as pessoas que trabalham e as que fazem atividades de ginástica, capoeira e futebol naquele clube "abandonado"(NEVADA CLUBE CAMPESTRE).

É que a materia, fala que será cridada (transferida) uma companhia de policia apara aquele clube, esta divugação causou problemas de insegurança para aquelas pessoas que lá trabalham, os mesmos acreditavam em primeiro momento, que por serem funcionários daquela instuição o tráfico local poderia associa-los a este acordo; Gov.Estadual/Nevada Clube, por isso o medo de represálias.

Foi de um amadorismo total do responsável do governo ter informado "aquele jornal" o local exato da instalação da CIA.

Por que tiveram que divulgar o local da instalação? será que não sabiam que pessoas correriam riscos de vida?, que insensateis.

Tenho acompanhado todas as informções do governo estadual quando das instalações das UPPs em comunidades, sabemos com antecedencia qual comunidade será ocupada
mas nunca lí nenhuma matéria que informava que as instalaões seria fitas, alí ou aculá, isto provavelmente preservou a integrtidade daqueles moradores.

Porque só na Camarista Meyer falou-se com exatidão o local das intalaçoes?.

Um abraço a todos.

Anônimo disse...

GOSTEI DE LER ESTES COMENTARIOS.
ESPERO QUE O GOVERNO DO ESTADO CUMPRA O PROMETIDO.
POIS NOS MORADORES ESTAMOS DE SACO CHEIO DE PROMESSAS NAO CUMPLIDAS.

Anônimo disse...

Obrigado ao Governador Sergio Cabral e todos da sua equipe que tiveram participação direta nesta empreitada da construção de uma Cia de Policia aquí na Camarista Meyer.

Aquí em nossa Comunidade há uma histeria coletiva por partes de moradores.

É sabido que por motivos diversos, estes euforicos moradores não podem e não devem se manisfetar abertamente favorável a esta implantação, acreditamos Com o passar dos dias as coisas mudarão com certeza.

Esta policia militar que aquí está circulando entre nós moradores é muito diferente da anterior(?) Antes desta ocupação os policiais que adentravam esta comunidade eram truculentos, agressivos, preconceituosos, violentos, despreparados para lidadar com moradores de favela, os mesmos acreditavam que todos daquí; "eram bandidos ou coniventes com eles"(já fui abordado e ouví isto de um pm).
Como tudo mudou repentinamente? Os policiais não são os mesmos?.
Tudo mudou para melhor, as conversas que tenho com cidadãos local, percebo que todos são unânimes: houve uma mudança radical no relacinamneto entre policiais x moradores.

Não há de se negar que ainda acontecem "coisas estranhas" aquí nesta Serra.
Exemplo: AMACAM(Cobrança ilegal de tv a cabo, venda ilegal de gaz, taxa de cobrança de transporte de kombis e motos, entrega de correspondência a moradores R$ 8,00 e partes deste dinheiro arrecadado é enviado ao o "dono" do morro(Preso no complexo de bangu), o restante é para manutenção de sua família que domina aquela Associação de Moradores).
Os dados estão aí, cabe a policia investigativa a apuração dos fatos.

Para nós nativos desta SERRA DOS PRETOS FORROS,fica a esperança que esta ocupação seja permanente e definitiva e que o ESTADO após unir moradores e policia não saia mas daquí.

falecomlivia disse...

Boa noite,
sou moradora do Méier e meu avô nasceu no clube Pedras Negras.Sempre tive vontade de conhecer o clube mas nunca tive coragem por ser dominado por traficantes, alguém que mora no local sabe se já é seguro tentar conhecer o clube, se é possível fazer uma visita?
Lívia.

Anônimo disse...

Boa noite, a todos.

Não me indentificarei por razôes óbvias
e também não citarei os nomes de alguns personagens citados abaixo, seria leviano.

Não destilo aquí ódio contra ninguem e o que citarei é pura verdade, também não tenho intençao de denegrir nenhuma instituição publica ou privada e nem tão pouco tenho a pretençao de ser canditado a cargo politico.

Faço aquí minha narrativa de indiguinação;
sou morador da Serra dos Pretos Forros, carinhosamente chamada; Camarista Meyer no Engenho de Dentro.
A tres meses esta comunidade foi ocupada pelas forças policiais do Estado do Rio de Janeiro, acreditavamos que a presença policial iria acabar com a dominaçaõ do tráfico e seus aliados(comércio? irregular), mas o que todos aquí observam, é que houve uma mudança de TIRANIA, saiu o braço armado do tráfico, mas os seus tentáculos FARDADOS ainda estão aquí.

Á tempos presenciamos diversas viaturas policiais vindo buscar seus "arregos" na associação de moradores; esta mesma associação é a continuação dos dominios do traficante local "dono" do morro: Sergio da Costa Brum(Trajano, preso em bangu I).

Pergunto aos senhores que terão a oportunidade de ler este texto:
Como pode depois da presença policial, nós moradores local continuarmos pagando R$46,00 o botijão de gáz(depósito dentro da associação de moradores/direito de venda exclusivo desta associação), R$30,00 na tv "gatonet", kombis de transportes auternativo caindo as portas?

Acreditem no que digito;
para fazerem "vistas grossas" funciona assim:
"Arrego doa gáz", "gatonet" e Kombis;
o comandante do 3°bpm cel Moura e o comandante da 3ªcia de policia instalada aquí, cap Odilon levem de propina por mes R$2.000,00 cada.

Por diversas vezes este Capitão citado acima, foi pessoalmente buscar o dinheiro na praça Amambaí(atual Padre Nelson), dinheiro este, pago semanalmente por um "funcionário" daquela associação de moradores.

Pergunto; estes policiais estão de qual lado?
Enquanto o gato faz acordo com o rato, nós moradores continuamos sem opção na compra do botijão de gáz, além de outros problemas corriqueiros específicos desta comunidade.

Alguns policiais que aquí estão e o clâ(familia do Trajano que domina aquela associação) são descarados, ja´perderam a vergonha, tem certeza da impunidade e fazendo isto desrespeitam 25 mil moradores que em sua grande maioria é composta de pessoas idôneas.

Senhores, por favor, repassem este email para alguém que resolva, não para o cmdt do 3° bpm, este ja´está na "folha de pagamento" a muito tempo

Investiguem por favor precisamos de lei e ordem.

Á tempos sou leitor deste blog, mas só agora tive coragem de me expressar.

Aguardo respostas

Um abraço e fiquem com Deus

Anônimo disse...

Boa noite meu querido Antonio!
Meu Nome é Gustavo!
Primeiramente gostaria de parabenizar pelas boas intenções.
Eu nasci na Venancio Ribeiro e atualmente estou residindo no Catumbi uma das áreas que segundo as estatiscas é bem violenta, mas já estou familiarizado a 12 anos e o catumbi passou a ser minha segunda familia.
Aqui no Catumbi tem uma diferença muito grande da zona norte, aqui eu faço trabalho social e todos os lideres comunitários brigam pelo bairro, aqui nos temos a associação do Catumbi, Ass. do Morro da Mineira,Chuveirinho, São Carlos, Querosene, Rio Comprido, Morro da Coroa,Fallet, Prazeres, Biquinha e outros. em breve levarei todos ai na nossa comunidade Outeiro, Cariri, e Ouro preto e gostaria de te conhecer e levarei o subprefeito Tago e em seguida o prefeito, tenho bons projetos pra nossa área estou desenvolvendo um site que está em construção: www.catumbi.art.br que será a nossa conexão aqui trabalhamos com total liberdade independente do governo.

Anônimo disse...

BOA NOITE

007BONDeblog disse...

Prezados senhores

Para fazer certas afirmações e acusações é necessário além de provas a autoria assumida pelo comentário feito.

ASSIM, SEMPRE QUE IDENTIFICO qualquer comportamento fora desse pré-requisito, sou obrigado a apagar o comentário.

007BONDeblog disse...

Anônimo disse...
Boa noite, a todos.

Não me indentificarei por razôes óbvias
e também não citarei os nomes de alguns personagens citados abaixo, seria leviano.

Não destilo aquí ódio contra ninguem e o que citarei é pura verdade, também não tenho intençao de denegrir nenhuma instituição publica ou privada e nem tão pouco tenho a pretençao de ser canditado a cargo politico.

Faço aquí minha narrativa de indiguinação;
sou morador da Serra dos Pretos Forros, carinhosamente chamada; Camarista Meyer no Engenho de Dentro.
A tres meses esta comunidade foi ocupada pelas forças policiais do Estado do Rio de Janeiro, acreditavamos que a presença policial iria acabar com a dominaçaõ do tráfico e seus aliados(comércio? irregular), mas o que todos aquí observam, é que houve uma mudança de TIRANIA, saiu o braço armado do tráfico, mas os seus tentáculos FARDADOS ainda estão aquí.

Á tempos presenciamos diversas viaturas policiais vindo buscar seus "arregos" na associação de moradores; esta mesma associação é a continuação dos dominios do traficante local "dono" do morro: ... preso em bangu I).

Pergunto aos senhores que terão a oportunidade de ler este texto:
Como pode depois da presença policial, nós moradores local continuarmos pagando R$46,00 o botijão de gáz(depósito dentro da associação de moradores/direito de venda exclusivo desta associação), R$30,00 na tv "gatonet", kombis de transportes auternativo caindo as portas?

Acreditem no que digito;
para fazerem "vistas grossas" funciona assim:
"Arrego doa gáz", "gatonet" e Kombis;
o ... levem de propina por mes R$2.000,00 cada.

Por diversas vezes este Capitão citado acima, foi pessoalmente buscar o dinheiro na praça Amambaí(atual Padre Nelson), dinheiro este, pago semanalmente por um "funcionário" daquela associação de moradores.

Pergunto; estes policiais estão de qual lado?
Enquanto o gato faz acordo com o rato, nós moradores continuamos sem opção na compra do botijão de gáz, além de outros problemas corriqueiros específicos desta comunidade.

Alguns policiais que aquí estão e o clâ(familia do ... que domina aquela associação) são descarados, ja´perderam a vergonha, tem certeza da impunidade e fazendo isto desrespeitam 25 mil moradores que em sua grande maioria é composta de pessoas idôneas.

Senhores, por favor, repassem este email para alguém que resolva, não para o ... este ja´está na "folha de pagamento" a muito tempo

Investiguem por favor precisamos de lei e ordem.

Á tempos sou leitor deste blog, mas só agora tive coragem de me expressar.

Aguardo respostas

Um abraço e fiquem com Deus


12 de fevereiro de 2011 17:19
007BONDeblog disse...
Prezados senhores

Para fazer certas afirmações e acusações é necessário além de provas a autoria assumida pelo comentário feito.

ASSIM, SEMPRE QUE IDENTIFICO qualquer comportamento fora desse pré-requisito, sou obrigado a apagar o comentário.

3 de abril de 2011 18:10

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

CONHEÇA OS NOSSOS POSTS PUBLICADOS - DIGITE O TEMA

Carregando...

AS MAIS LIDAS DA SEMANA