domingo, 17 de abril de 2016

O IMPEACHMENT NÃO PASSA - PLACAR EM MATÉRIA DA FOLHA COMPROVA QUE GOLPISTAS NÃO TEM VOTOS SUFICIENTES.


IMPEACHMENT NÃO PASSA ! NÃO SE DESMOBILIZE, NEM ACREDITE NAS MATÉRIAS QUE BUSCAM CRIAR UM FALSO FATO "CONSUMADO"

NÚMERO DE DEPUTADOS PRÓ-IMPEACHMENT CRESCEU, PODE ATÉ ULTRAPASSAR A BARREIRA DOS 300 VOTOS, MAS, PESO DO NORDESTE E ABSTENÇÕES É QUE VÃO DECIDIR O "TERCEIRO TURNO".

SE OS NÚMEROS E DADOS DA FOLHA FOREM CORRETOS

OS VOTOS FAVORÁVEIS AO IMPEACHMENT ESTÃO CONSOLIDADOS. 

REGIÕES ONDE A OPOSIÇÃO É MAIS FORTE, COMO SUL, SUDESTE E CENTRO-OESTE, JÁ DERAM PRATICAMENTE TODOS OS VOTOS QUE PODIAM DAR. NO NORDESTE, APENAS PERNAMBUCO CONTROLADO PELA ALA QUE SE APOSSOU DO ESPÓLIO DE EDUARDO CAMPOS, AINDA PODE OFERECER ALGUMA GORDURA AO GOLPE.

SEGUNDO A FOLHA, EXISTEM 115 DEPUTADOS INDECISOS. 

A ESTA ALTURA, É POUCO PROVÁVEL TAL INDECISÃO. 

QUEM NÃO DIVULGA O VOTO EM SUA IMENSA MAIORIA, O FAZ, PARA SE PRESERVAR DOS ATAQUES,  (HOJE, ESSA PRESSÃO ESTÁ SENDO EXERCIDA PELOS APOIADORES DO IMPEACHMENT), TEM AINDA QUEM ESPERE UMA ABORDAGEM DE ÚLTIMA HORA COM BON$ ARGUMENTO$. E ISSO VALE TANTO PARA OS CARGOS QUE O GOVERNO OFERECE, COMO PARA AS "VANTAGENS" QUE FEDERAÇÕES E CONFEDERAÇÕES PATRONAIS E DO CAPITALISMO SELVAGEM ESTÃO OFERTANDO.

A MATEMÁTICA É SIMPLES, E MOSTRA QUE A VOTAÇÃO SERÁ PARA CORAÇÕES FORTES, MAS COM TENDÊNCIA PARA QUE O IMPEACHMENT SEJA BARRADO.

AS ABSTENÇÕES SERÃO DECISIVAS

SE O PERCENTUAL DE ABSTENÇÃO CHEGAR A 35 EM 513 - 7% (APROXIMADO) DO TOTAL DE DEPUTADOS, O IMPEACHMENT NÃO PASSA.

ANALISANDO OS APONTADOS COMO "INDECISOS", É POSSÍVEL CONTAR PARA NÃO AO IMPEACHMENT 50 VOTOS. PARA SIM AO IMPEACHMENT 40 VOTOS, E AÍ, NESSE UNIVERSO CERCA DE 25 ABSTENÇÕES. OUTRAS 10 ABSTENÇÕES OCORRERÃO ENTRE OS QUE SE DECLARAM PELO IMPEACHMENT.

ASSIM...O SIM AO GOLPE, NO MÁXIMO, DEVE ALCANÇAR OS 324 VOTOS, FICANDO MAIS PROVAVELMENTE NOS 314 VOTOS.

NO SÁBADO O BLOG DIVULGARÁ O SEU PLACAR FINAL. POR ORA FICAMOS ASSIM.



O DATABONDE RECONHECE QUE SUAS PREVISÕES NÃO SE CONFIRMARAM, AO MENOS EM PARTE E SE FORMOS FOCAR NO PLACAR FINAL. O NÚMERO DE ABSTENÇÕES FOI DA ORDEM DE 1,5%, E COMO DISSEMOS, SERIA NECESSÁRIO PARA BARRAR O IMPEACHMENT, QUE NO MÍNIMO 35 DEPUTADOS (7%) NÃO VOTASSEM. 

13/04/16 06:28
Fuso horário de Brasília

13 comentários:

César de Almeida disse...

PP e PSD praticamente selaram o destino de Dilma. Resultado: Ibovespa disparou e passou de 53 mil pontos.
Os analistas isentões, cheios de fama e títulos, figurinhas fáceis da velha imprensa, estão nos dizendo há meses que o impeachment pode jogar o país no caos econômico e no abismo, que é uma ruptura institucional, que labaredas de fogo cairão dos céus. Hodor! Hodor!
No mundo real, longe do escritórios dos consultores festejados, dos especialistas tradicionais que assessoram políticos, grandes empresários e dão entrevistas o dia inteiro, a possibilidade cada vez mais evidente do afastamento de Dilma reaquece a bolsa e dá todos os indicativos de que a pior recessão da história do Brasil pode estar com os dias contados.
Michel Temer vai herdar uma terra arrasada, mas é óbvio que haverá uma retomada do crescimento e dos investimentos. O impeachment vai ser bom.

BONDeblog S. O. disse...

VAI SER BOM ?

Nunca vi ILEGALIDADES e DESRESPEITO `A CONSTITUIÇÃO resultar em ALGO BOM !

Visão pequena a sua, de que O IBOVESPA disparou e isso sinaliza algum avanço.

Especuladores ganham DINHEIRO em momentos assim, eles se aproveitam de pessoas, como parece ser o seu caso "SR. César", que são socialmente míopes, economicamente vesgos e politicamente cegos.

Michel Temer não vai herdar nada, pois o IMPEACHMENT não vai passar.

Anônimo disse...

Hoje Romário desceu do muro. Estava caladinho vendo se caía alpiste no seu bico. Foi só o pessoal do MBL e do VPR soltar nas redes que ele ia votar contra pra ele resolver assumir que vai votar A FAVOR DO IMPEACHMENT.

Eis a prova de que nenhum deputado hoje quer ver seu nome associado ao governo.

O impeachment já passou. A questão é saber se será por 1x0 ou 7x1.

César de Almeida disse...

Anônimo, no dia de hoje faltam 20 votos para consolidar o impeachment, de um total de 64 indecisos ou que não quiseram se pronunciar. Isso é menos de 1/3 desses parlamentares. Até domingo esses números vão mudar, claro, mas deverão seguir a tendência de 2/3 a favor e 1/3 contra. O impeachment vai passar, mas hoje não seria com folga ou 7x1 como vc sugeriu. No domingo, quem sabe, com seu nome citado em alto e bom som para todo o Brasil, cada deputado terá que se confrontar com o seu eleitor e pode acabar votando a favor do impeachment, aí o 7x1 poderá se materializar.

Cesar de Almeida disse...

Bondeblog, a bolsa de valores é o termômetro da confiança dos investidores. Sem eles país algum prospera. Talvez vc pudesse dizer isso do dólar, que vem caindo, e esse sim é bastante especulativo. O vazamento do áudio do Temer foi proposital para pacificar o mercado e dizer que ele está pronto para herdar esse caos e trabalhar por um governo de união nacional. Fez muito bem pois a Dilma não reúne mais nenhuma condição cognitiva, intelectual, técnica ou política para tirar o Brasil do atoleiro. Falar em ilegalidades num momento em que pessoas morrem por falta de atendimento e condições de trabalho nos hospitais, ou vítimas da violência que disparou pela crise econômica, é um disparate. Impeachment é ato legal previsto na Constituição. Tente se conformar. Como diz o tiririca: PIOR QUE TÁ NÃO FICA.

Trezentos de Esparta disse...

Lendo os comentários acima, fico muito mais tranquilo.

O impedimento da presidente irá acabar com a corrupção e todos seremos felizes novamente sob a batuta de Temer e de seu novo vice, Eduardo Cunha.

Ficarei mais tranquilo quando também prenderem o Lula e o impedirem de disputar qualquer tipo de eleição. Inclusive a de presidente do Corinthians. Ele deve ter cometido algum crime. O fato de não sabermos qual foi não significa que não tenha cometido. A cara dele diz que roubou. Quando preso, certamente irá confessar tudo e muito mais.

A operação Lava-jato tendo cumprido seus objetivos poderá ser encerrada, afinal não é possível colocar em risco a estabilidade do novo governo recém empossado. Uma anistia, semelhante àquela que poupou os torturadores, deve ser promulgada para não pairem suspeitas sobre os novos governantes. O país não aguenta mais saber a todo instante que um empresario foi preso. Todos deverão colaborar com isso, a começar pela maior rede de televisão nacional.

Se por acaso o impedimento não for aprovado, continuaremos com as revelações semanais da Lava-Jato que nos enchem de desgosto ante tanta ladroeira nunca vista antes em nosso país.

Saberemos reagir com indignação à tamanha ofensa. Um verdadeiro tapa na cara das pessoas que pagam seus impostos sem reclamar.



Trezentos de Esparta disse...

Sobre o tal termômetro, citado acima, acredito que o novo governo deverá começar editando um Ato Institucional número I, no qual sejam mostrados os sagrados compromissos que os novos dirigentes terão com o mercado financeiro.

O objetivo é que esse termômetro possa continuar subindo trazendo mais especul... digo, investidores para a Bolsa.

Neste Ato Institucional número I já deverá estar definida medida revolucionária pela qual nenhum especul...ooops, investidor terá algum prejuízo na Bolsa. Quando a bolsa sobe, os lucros serão dos especul... digo, investidores e das suas famíglias. Quando a bolsa cai, os prejuízos serão assumidos pelo governo.

Em poucos dias, com a edição da moderna Bolsa Famíglia, os índices da bolsa deverão subir a valores nunca dantes imaginados.

Trezentos de Esparta disse...


Uma análise técnica, portanto neutra, de como o termômetro, citado acima pelo Cesar de Almeida, é capaz de fazer previsões precisas sobre os futuros acontecimentos políticos pode ser encontrado neste artigo elaborado pelos colaboradores do infomoney:

http://www.infomoney.com.br/mercados/analise-tecnica/noticia/3653498/voce-acredita-grafico-ibovespa-futuro-mostra-quem-sera-proximo-presidente

BONDeblog S. O. disse...

Sr. César Almeida

O seu apelido ao menos, não é ofensivo a nossa inteligência, como o de alguns professores e personagens da Bastilha.

Mas o seu pensamento traduzido em comentário, mostra bem que um hipotético governo TEMER será péssimo para o Brasil.

É o senhor quem diz, que o TRAÍRA que gosta de posar de ESTADISTA, fez um pronunciamento para "pacificar os mercados". Note que o senhor não diz "acalmar", mas, "pacificar", ou seja, durmam tranquilos senhores AGIOTAS, RENTISTAS, ESPECULADORES, que no meu governo ?? os senhores terão o que lhes apraz: JUROS, JUROS, JUROS.

BONDeblog S. O. disse...

QUANTO AO ROMÁRIO, é só mais um oportunista e covarde, que vota de olho fechado para a CONSTITUIÇÃO e bem ABERTO para a próxima ELEIÇÃO.

Aliás, eu nunca consegui entender o motivo pelos qual ROMÁRIO foi eleito.

Jogar bola e fazer gols não habilita, que eu saiba, ninguém para a política. DEIXAR DE PAGAR CONDOMÍNIO, DESTRUIR COM VAZAMENTO APARTAMENTO DE VIZINHO, SER PRESO POR NÃO PAGAR PENSÃO ALIMENTÍCIA E SER PEGO ALCOOLIZADO NA BLITZ DA LEI SECA, muito menos, então...

BONDeblog S. O. disse...

A BOLSA DE VALORES NESSE MOMENTO, É O TERMÔMETRO QUE MEDE APENAS A ESPECULAÇÃO.

AÇÕES SOBEM E DESCEM AO SABOR DA MOVIMENTAÇÃO DA AGIOTAGEM, CONLUIADA COM OS PSEUDO ANALISTAS DE TERCEIRA CATEGORIA QUE FALAM DE ECONOMIA NOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO.

O termômetro só mede nesse momento, A FEBRE PELO PODER DESSA QUADRILHA DE DEPUTADOS GOLPISTAS.

Mas eles terão no DOMINGO uma HIPOTERMIA, fique certo.

César Almeida disse...

Não haverá hipotermia. Penso que a cúpula do governo estará com muita febre.

O Temer não é meu candidato, e numa eleição eu não votaria nele. Mas entre ele e a Dilma não existe qualquer base de comparação. Homem polido, culto e bom articulador, poderá vir a fazer um governo excepcional. É nessas horas que se vê a diferença entre um estadista e um populista. O Brasil precisa de um governo de união nacional e os políticos em geral, como parasitas que são, vão dar uma aliviada momentânea para não matar o hospedeiro. Depois as falcatruas voltam, a menos que a Lava a Jato dê um fim nisso. Por isso digo que Sérgio Moro vai fazer a diferença durante o mandato do Temer.

Neste momento parece que o número de votos pró-impeachment atingiu o quórum mínimo. É um fim melancólico para o PT, porém previsível.

BONDeblog S. O. disse...

Se o juiz fizer a diferença no mandato de TEMER, ele pedirá ao MPF que abra um processo contra o eventual golpista que se apoderou do planalto através de um golpe.

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS