terça-feira, 3 de junho de 2014

PEW RESEARCH CENTER - O BRASIL NÃO PRECISA DE PESQUISA SEM CREDIBILIDADE FEITA POR AMERICANOS

PARA DETURPAR E MANIPULAR DADOS NÓS JÁ TEMOS O IBOPE E O DATAFOLHA


Como se não bastasse termos que conviver com as pesquisas cheias de perguntas dirigidas e capciosas, com a forma com que se apresentam os "QUESTIONÁRIOS", conduzindo visivelmente o tipo e forma de pergunta aplicada para receber a resposta "desejada", como feito pela maioria dos Institutos de pesquisa aqui do Brasil, tomamos conhecimento de uma pesquisa feita por Instituto americano, a quem O Globo apresenta como "respeitável".

O fato é que, no confronto dos números apurados, na comparação entre o que algumas respostas apresentam, fica evidente que a referida pesquisa não contribui em nada para o interesse do brasileiro, não traz nenhuma novidade sobre a nossa realidade, e nem serve de BÚSSOLA para que alguém se oriente sobre o Brasil no momento e no futuro próximo.

Em qualquer  país do mundo em que se aplicar um questionário dessa natureza, a resposta dos cidadãos será muito próxima do que se apurou aqui. É da natureza do povo querer mais, cobrar dos governos, estar insatisfeito principalmente com situações básicas como economia e saúde, ou educação e segurança.

Tudo isso, no Brasil, se apresenta de forma mais forte. Não só pelo momento de transformação em que o país se encontra, como também pela forma como grande parte da imprensa brasileira se comporta. O noticiário diário é um verdadeiro BOMBARDEIO de notícias RUINS. Há uma campanha violenta por apresentar o país à beira do CAOS. Duvido que nos EUA ou na ESPANHA, em Portugal ou na França, os governos de lá obtenham melhor aprovação, e o povo esteja mais satisfeito. E não vale falar em CHINA ou Rússia, pois nesses países, pesquisas dessa natureza nem seriam realizadas.

Aliás, se o IBOPE e o DATAFOLHA fosse ao exterior países para pesquisar como se sente o cidadão americano ou europeu, talvez saíssem corridos de lá, e a imprensa local não daria a mínima importância para o que fosse "coletado".

10 comentários:

LRM disse...

Apagou tudo, Sr. Bond? Os dados apresentados pela pesquisa não lhe agradam?

José Antônio disse...


O que diriam os norte-americanos se o IBOPE ou o Datafolha se deslocassem aos EUA para "ouvir" a opinião dos seus cidadãos sobre o governo que, hoje, mantém uma ficha individual, semelhante, ou quem sabe pior, que a do SNI, contendo todos os dados das comunicações privadas da cada um?

E, se nos questionários, fossem incluídas perguntas sobre o que acham das enormes despesas militares - as maiores do mundo - justificadas pelas ininterruptas guerras travadas pelo país desde o final da segunda grande guerra?

Ou quem sabe, sobre a grande crise provocada pelo sistema financeiro, cujos bancos foram considerados grandes demais para falir, tendo a conta para salvar seus diretores sido entregue justamente para aqueles que perderam seus lares e/ou empregos?

O que achariam se perguntássemos o que acham sobre o sistema de partido único o Partido "Democrano" (qualquer semelhança com demo-tucanos é mera coincidência)?

E o que acham sobre os constantes massacres realizados em escolas, universidades, centros comerciais, e que volta e meia chocam o país e o resto do mundo?

E o que acham sobre a tese de que os norte-americanos possuem um "destino manifesto" que os fazem sentirem-se "responsáveis", ou melhor dizendo, xerifes, do resto do mundo, como maneira de garantir a manutenção de seus interesses, de forma unilateral, sempre que "seja necessário, como recentemente foi dito pelo Presidente Obama?







BONDeblog S. O. disse...

Senhora Lucia

Eu não paguei nada, nem mesmo a parte em que a pesquisa diz que Aécio e Eduardo campos são dois desconhecidos e pior avaliados que Dilma. Nem mesmo a parte da pesquisa que traz uma avaliação desastrosa de FHC pode ser considerada.

Essa pesquisa só tem importância pra servir de propaganda para a oposição, aliás, por certo esse foi o motivo de sua realização.

Mas, não muda nada.

LRM disse...

Sr. Bond,
O curioso é que essa pesquisa bate exatamente com as minhas pesquisas informais. Com todas as pessoas que converso, a questão da inflação, da violência e da corrupção provocam uma sensação de desilusão e pessimismo para o futuro.

Por falar em inflação, fui no supermercado Guanabara da Maxwell, aquele que o senhor disse ser o mais em conta. Pela primeira vez na vida meu vale-alimentação zerou na primeira compra do mês. E olha que eu comprei o de sempre. Daqui a 15 dias vou precisar comprar de novo, mas não terei saldo. Isso significa uma inflação de mais de 2 dígitos. Eu aposto nuns 20%. O povo está sentindo no bolso o resultado desse fraco governo Dilma.

Como disse ontem o Aécio Neves no programa Roda Viva: "O PT é tão ruim que ele mesmo quer mudanças". Aécio deu um banho na entrevista. Mostrou estar muito mais preparado do que o Serra para a campanha. A Dilma, fora dos programas gravados e das falas decoradas, vai sofrer, não consegue concatenar nem completar raciocínios.

LRM disse...

Sr. José Antônio,

A seriedade de uma empresa de pesquisa norte-americana não se compara a nenhuma do submundo latinoamericano. O senhor sabe o que são normas ISO? Conhecem as Leis que regem as empresas americanas?

"E o que acham sobre os constantes massacres realizados em escolas, universidades, centros comerciais, e que volta e meia chocam o país e o resto do mundo?"
Como se aqui não tivéssemos massacres também. Todos os dias um aluno dá um tiro no seu colega, quase sempre por dívidas com drogas. São 56 mil assassinatos todos os anos. Sabe quantos policiais morrem por ano em toda a América? O mesmo que em UM DIA NO BRASIL. O senhor sabe o que isso significa, não sabe?

Que bom que os EUA são os "xerifes do mundo". Graças a isso o senhor e eu podemos entrar tranquilos nos aviões. Gostaria imensamente que eles pudessem ser xerifes aqui no Brasil também. Não teríamos quase 40 assassinatos por 100 mil habitantes.

João Paulo Ferreira de Assis disse...

A senhora está sugerindo uma invasão, tipo a que foi feita no Iraque? Olha que quem se dispõe a trair nunca é bem aceita pelo invasor.

Na História Universal do Cesare Cantu (historiador italiano) há um episódio da invasão dos lombardos no norte da Itália. O Duque e o filho resistindo bravamente, enquanto a duquesa sem noção foi ao acampamento do inimigo para ver se o chefe dos lombardos era ''bonito''. O chefe depois de usar e abusar dela, a entregou para os soldados...


José Antônio disse...


"Aécio deu um banho na entrevista. Mostrou estar muito mais preparado do que o Serra para a campanha".

Aécio, apesar de estar entre jornalistas amigos, sentiu o baque ao ser perguntado sobre a fama de usuário de certo tipo de drogas.

Não tendo como responder, Aécio mentiu descaradamente, atribuindo esta fama ao "submundo da internet".

Todo o mundo sabe que isso é uma grande mentira, uma vez que ninguém conhecia esta fama de Aécio antes que o Estadão, sob orientação do Serra, detonasse o então Governador com aquele editorial que ao meu ver, enterrou a carreira política de Aécio para sempre.

Trata-se do Editorial cujo título foi "Pó pará, governador?" que acabou ficando célebre, pois foi a centelha que implodiu com a "amizade" entre s dois tucanos.

Aécio revidou com um dossiê que acabou virando um livro sobre o qual Serra também mentiu, atribuindo-o ao PT.

Houve também o episódio em que Aécio foi flagrado dando um tapa na cara, em público, de Leticia Weber, então uma das suas sucessivas namoradas, a qual também revidou. Episódio este que, embora omitindo o nome da namorada, foi relatado por Juca Kfouri em:

http://blogdojuca.uol.com.br/2009/11/covardia-de-aecio-neves/

Episódio, também contado com mais detalhes pela jornalista da Folha, Mônica Bergamo em:

http://www1.folha.uol.com.br/colunas/monicabergamo/2013/07/1306893-namorada-de-aecio-neves-ha-cinco-anos-leticia-weber-se-prepara-para-novo-momento.shtml

Só que no artigo da Mônica Bergamo, ela conta o nome da santa: Letícia Weber.

E assim, ficamos sabendo por fogo amigo e não pelo suposto "submundo da internet" que, para tentar desfazer da imagem de playboy, a mulher com quem Aécio casou é a mesma com quem ele foi flagrado em cenas de pugilato ao vivo.

"O Escrevinhador", Rodrigo Vianna comenta como Aécio mentiu na entrevista:

http://www.revistaforum.com.br/rodrigovianna/plenos-poderes/aecio-o-juca-kfouri-integra-o-submundo-da-internet.html

Todos os demais episódios escandalosos envolvendo Aécio Neves, tais como o da apreensão de sua carteira vencida em uma blitz da operação "lei seca", na qual Aécio recusou-se a soprar o bafômetro, e o vídeo no qual o suposto homem de família, como Aécio se apresentou no programa, foi flagrado cambaleando e distribuindo gorjetas de R$ 100,00, foram público e documentados pela imprensa.

Portanto, a arrogante mentira com que Aécio tentou se safar da pergunta do jornalista entrevistador, foi efetivamente uma ofensa a todos os blogueiros que trabalham com a internet e que jamais inventaram fofocas para envolver o nome de Aécio Neves.

Acho até que, todos os que se sentiram acusados de pertencerem ao "submundo da internet" deveriam interpelar o candidato na justiça.

Afinal, a fama adquirida por Aécio deve-se principalmente a fogo amigo e a atos públicos testemunhados e documentados.

Este é o candidato que na opinião de D. Lucia deu um banho na entrevista e que, se depender dela, deveria se tornar Presidente do Brasil.

Foi por isso que Aécio sequer aventou a hipótese de ter Serra como seu vice.

Na entrevista, Aécio também deu mostras de puxasaquismo explícito ao Ministro Joaquim Barbosa que, ajudou a transformar em pizza o mensalão tucano.

Vergonhoso para ambos.





José Antônio disse...


"A seriedade de uma empresa de pesquisa norte-americana não se compara a nenhuma do submundo latinoamericano. O senhor sabe o que são normas ISO? Conhecem as Leis que regem as empresas americanas?"

A crença na seriedade norte-americana e das suas empresas não resiste aos documentos tornados públicos por Edward Snowden.

Ele mostrou de que valem as "sérias normas" do governo e das empresas americanas.

"Gostaria imensamente que eles pudessem ser xerifes aqui no Brasil também. Não teríamos quase 40 assassinatos por 100 mil habitantes."

Graças a esses xerifes que, hoje em dia, o Iraque se tornou um país em estado de guerra civil permanente.

Os xerifes chegaram lá, alegando mentirosamente que iriam salvar o "mundo livre" das armas de destruição de massa e deixaram posteriormente o país arrasado sob intensa carnificina diária.

O mesmo fizeram na Líbia e por pouco iriam se meter também em outra guerra civil, desta vez na Síria, apoiando um dos lados, o qual era tão ou mais sanguinário quanto o outro.

Se é isso que a senhora deseja para o Brasil, muito obrigado. Nós, os brasileiros, não queremos. Fique com tudo isso para a senhora.

E se puder, ao invés de "tacar" coquetéis molotov no Congresso Nacional, como a senhora, mais de uma vez já ameaçou aqui, talvez por bravata ou não, "taque" esse coquetel molotov em si própria, mas com o cuidado de não produzir vítimas colaterais inocentes.

José Antônio disse...

"A seriedade de uma empresa de pesquisa norte-americana não se compara a nenhuma do submundo latinoamericano."

E tanto a D. Lucia quanto o Senador Aécio Neves, acham que todos nós vivemos em, submundos.

No entender deles, o mundo em que vivem deve ser um mundo superior.... de arianos.

Já sabemos como termina esse filme, D. Lucia.

LRM disse...

Sr. José Antônio,
não consta na biografia do Aécio qualquer envolvimento com grupos terroristas covardes e assassinos.

Ja a sua candidata sim.

Ainda prefiro quem distribua gorjetas de 100 reais....

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS