sábado, 17 de maio de 2014

JUIZ FEDERAL PENSA QUE É "DEUS" E NEGA UMBANDA E CANDOMBLÉ COMO RELIGIÕES DIGNAS DE SEREM RESPEITADAS

SUPREMA IGNORÂNCIA - A INQUISIÇÃO É LOGO ALI !


Lamentável a decisão do Juiz Federal Eugênio Rosa de Araújo da 17a. VARA FEDERAL do Rio de Janeiro, ao negar o pedido do Ministério Público Federal para que 15 VÍDEOS ofensivos, insultuosos e desprovidos de base e conhecimento sobre o que são de fato a UMBANDA e o Candomblé, fossem retirados de exibição.



Sua excelência não só extrapolou os limites do absurdo, e para além do desconhecimento do que seja o significado de RELIGIÃO, chancelou o direito de ofender, atacar, ridicularizar, estigmatizar, as manifestações de outra natureza de credo e crença. Pelo entendimento FRIO E IMEDIATO do que o excelentíssimo juiz SENTENCIOU, só tem direito ao DEVIDO RESPEITO, as religiões que ele entende terem um calhamaço impresso de ritos e regras, além de uma visão de DEUS único.

O mais grave, não é o juiz desconsiderar a UMBANDA e o CANDOMBLÉ como religião, visto que a opinião dele, não passa disso, é só a opinião dele, e não tem nesse sentido a menor importância, mas sim, ele admitir a ofensa e o achincalhe como coisas legítimas e toleráveis.  

Fica então subentendido, que se postado na INTERNET um VÍDEO demonizando e ridicularizando as pessoas sem crença - ateus - agnósticos - sua excelência também, caso lhe caiba decidir, considerará isso, apenas a 'livre expressão do pensamento'.

CABE AQUI, mais do que nunca, a famosa MÁXIMA, que retrata bem o que é a JUSTIÇA dos HOMENS: "O JUIZ PENSA QUE É DEUS, E O DESEMBARGADOR TEM CERTEZA QUE É".

Redação BONDeblog

==================================================================
Decisão da Justiça sobre cultos afro-brasileiros surpreende até frei e pastor

Comissão de Combate à Intolerância Religiosa planeja protesto contra posicionamento de juiz

Rio - A indignação de religiosos de diferentes cultos contra a decisão do juiz federal Eugênio Rosa de Araújo vai engrossar o protesto planejado pela Comissão de Combate à Intolerância Religiosa. Representantes católicos já estão garantidos.

O frei franciscano David Raimundo dos Santos diz que o magistrado demonstrou desconhecer as religiões afro-brasileiras. “A definição de religião que o juiz tem na cabeça revela total desconhecimento das teses teológicas”. Ele avalia que o texto justifica a mobilização dos adeptos do candomblé e umbanda. “Caso os membros das religiões afro façam protestos, terão o apoio de nós, católicos”, afirmou o frei. 

Os adeptos das religiões afro-brasileiras, que lutam há tempos para garantir respeito à sua fé, sofreram duro golpe na Justiça. Uma decisão do juiz Eugênio Rosa de Araújo, da 17ª Vara Federal do Rio, considerou que a umbanda e o candomblé não são manifestações religiosas. O posicionamento gerou revolta e um protesto está sendo programado.

O texto polêmico é do dia 28 de abril, quando o juiz negou liminar de uma ação proposta pelo Ministério Público Federal que pedia a retirada da internet de 15 vídeos tidos como ofensivos às crenças de matriz africana. “As manifestações religiosas afro-brasileiras não se constituem em religiões”, escreveu. O magistrado considerou que os vídeos apenas manifestavam a livre expressão de opinião. O MPF recorreu contra a decisão. 

Em outro trecho, opinou que cultos afro “não contêm os traços necessários de uma religião, a saber, um texto-base (Corão, Bíblia etc) ausência de estrutura hierárquica e de um Deus a ser venerado”. Isso revoltou os seguidores dessas crenças.

Fotos não constam da matéria original
=====================================================
LEIA AQUI

3 comentários:

H.P. disse...

Essa "justiça" e seus justiceiros SÃO UM POÇO DE IMBECILIDADES SEM FUNDO. Um poço de IDIOTICES.
Só mais uma palavra para "traduzir" tão "nobre" decisão: PALHAÇADA!
PA - LHA - ÇA - DA!

H.P. disse...

O descrédito total nessa "justiça", além do nefasto "efeito Sheirazade" da direita midiatica, continuam provocando(até quando?) o que vai a seguir na notícia:

"Homem de 45 anos morreu na tarde de quinta-feira, em Campo Grande, depois de ser linchado por moradores da região de Aero Rancho, na periferia da cidade, na noite de quarta-feira. De acordo com a polícia, Hugo Neves Ferreira foi agredido após ter sido confundido com um estuprador. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

De acordo com o delegado João Reis Belo, Hugo havia bebido na noite de quarta-feira. Por volta das 22h30, ele teria discutido com sua mulher, pulado o muro de sua casa e caído no terreno de sua irmã. Quando tentou pular o muro da casa dela, enganchou as roupas em uma grade com lanças e rasgou o short e a cueca.

Depois de perder a roupa, moradores viram Hugo andando pelo bairro nu e com um ferimento na região genital. Quando ele caminhava próximo a um terreno baldio, algumas pessoas passaram a agredi-lo com socos e pontapés. "Alguém gritou olha o tarado!' e aí partiram para cima dele. Embriagado, possivelmente não conseguiu dizer coisas convincentes para se defender", afirmou o delegado ao jornal. Há relatos de que os agressores usaram uma barra de ferro e pedaços de pau para golpeá-lo...".

Sr. Juiz, dá uma canetada ai e devolve a vida a ele. Ele não fez NADA. ELE É INOCENTE. Afinal vocês decidem sobre tudo. Vocês sabem tudo. Até o que é ou não é religião. Vocês são o máximo. Vocês são os "TODO PODEROSOS". São deuses.

Jbmartins-Contra o Golpe disse...

Nós Brasileiros ou acabamos com a Globo ou a Globo acaba com o Brasil, ela que administra o FUTEBOL e a Politica no Brasil e tem milhoes de dolares de lucro sonegando IMPOSTO não tem o direito de acabar com a copa e escolher o Presidente, como fez com Collor.

Em nenhuma democracia séria do mundo, jornais conservadores, de baixa qualidade técnica e até sensacionalistas, e uma única rede de televisão têm a importância que têm no Brasil. Eles se transformaram num partido político – o PiG, Partido da Imprensa Golpista.

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS