domingo, 4 de maio de 2014

JOAQUIM BARBOSA 171 DIAS DE ARBÍTRIO

ESTAMOS DIANTE DE UM FATO GRAVÍSSIMO


A maior autoridade do nosso sistema JUDICIÁRIO, presidente do SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL e do CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA, permite que um PRESO sob sua responsabilidade direta, que está condenado a cumprir sua pena em REGIME SEMIABERTO, seja mantido em REGIME FECHADO, e com seu processo de pedido de trabalho externo parado, em decorrência de denúncias anônimas ou publicadas pela imprensa, e que não foram confirmadas, num flagrante desrespeito as mais elementares normas do DIREITO e da JUSTIÇA.

Mesmo após a manifestação do SISTEMA PRISIONAL de Brasília, mesmo após o parecer do Procurador Geral da República, ambos afirmando que não foi comprovada qualquer transgressão por parte do condenado José Dirceu, e que, portanto, ele está em condições de trabalhar fora do presídio, mesmo tendo Dirceu bom comportamento, mesmo tendo a CDH da Câmara dos Deputados constatado que ele não goza de nenhuma regalia, ainda assim, o Ministro Joaquim Barbosa o mantém em REGIME FECHADO, completando hoje 171 DIAS, estando próximo da marca ABSURDA de SEIS MESES DE PRISÃO EM UM REGIME PARA O QUAL NÃO TEM CONDENAÇÃO.

Mais impressionante é o silêncio da imprensa diante disso, o silêncio de artistas, o silêncio de parlamentares, o silêncio de cientistas sociais, de formadores de opinião, o silêncio principalmente dos demais MINISTROS DO STF, a quem o ministro Joaquim Barbosa afronta, impondo a sua vontade, nunca escondida, de que Dirceu deveria cumprir PENA em Regime Fechado, e não no regime que o plenário do SUPREMO acabou por decidir que ele deveria ficar ao lhe absolver do crime de formação de quadrilha.

Muito ao contrário do que possa parecer, e muito diferente do que pensam os inimigos de Dirceu, a manutenção dessa situação totalmente irregular, acaba por desmoralizar a JUSTIÇA BRASILEIRA, do seu mais alto TRIBUNAL até aos de instâncias primeiras. 

Fica a cada dia mais forte a teoria de que o julgamento do MENSALÃO foi levado a efeito de forma injusta e que as decisões ali tomadas tiveram um caráter de exceção, pela severidade ímpar da aceitação de provas frágeis, pela natureza da desproporção das penas impostas, pelo apelo fácil à execração pública que os condenados foram, e são expostos, e pela maneira absolutamente irregular, com que o Ministro Barbosa, exerce a posição de "carcereiro", verdadeiro CARRASCO  e ALGOZ de um preso.

LEIA + AQUI

8 comentários:

José Antônio disse...


Bond,

Ainda sobraram muitos vícios herdados da ditadura militar.

Parte da sociedade é autoritária, tal qual o Ministro JB.

Há uma série ótima de 5 filmes, produzidos por Silvio Tendler e que foram ao ar pela TV Brasil, entre 31 de março e 04 de abril deste ano, que documenta, de maneira bastante detalhada, a história dos militares das forças armadas que resistiram ao golpe de 64.

Recomendo muito assistir a esses filmes.

Eles podem ser vistos em:

http://ousarlutar.blogspot.com.br/2014/05/militares-da-democracia-os-militares.html#.U2TzLdGRO6V.blogger

Obs: o link acima omite (acredito que sem querer) o primeiro filme da série. Como toda a série está abrigada no youtube, não é difícil encontrá-lo. Para isso, por exemplo, basta clicar no endereço do segundo filme que a página do youtube mostra também o link para o primeiro.

LRM disse...

Joaquim Barbosa,

171 dias de esperança contra a impunidade nesse país. Quem venham mais 171 dias, e mais e mais e mais e mais......até 3650 dias, assim já está de bom tamanho.

BONDeblog S. O. disse...

José

Algumas pessoas no Brasil se acham "superiores". Elas pensam ter a primazia da verdade e pregam para os outros, a quem consideram seres inferiores e com menos direitos, além de punições à margem da LEI, o arbítrio das torturas e da desumanidade. DESCARADAMENTE pregam isso. Essa gente também acha que pobre não pode melhorar de vida, e alguns, que são ricos por herança, berço de ouro sem nunca ter feito nada pelo patrimônio que possuem, ainda criticam os programas sociais.

É gente que aplaude quando maus agentes da LEI matam, sem ser no estrito dever do confronto em legítima defesa, um suposto bandido. Gente que aplaude menor sendo amarrado ao poste.

Essa gente se esquece que, a arbitrariedade e o abuso contra um, acaba por se tornar o abuso contra todos.

Pensam que estão punindo Zé Dirceu, mas, na verdade, além de transformá-lo em mártir, que vai no futuro receber a devida reparação do ESTADO, criam um ambiente em que, podem acabar eles próprios vítimas do seu veneno.

Nenhum de nós está livre de uma situação na vida, em que tenha de se deparar com os labirintos da JUSTIÇA e suas teias por vezes inarredáveis. É bom não criar e dar força aos MONSTROS da exceção.

José Antônio disse...


D. Lucia, sempre se achando capaz de fazer justiça contrariando a lei.

Seja para "tacar" coquetéis molotov no Congresso Nacional, seja para aumentar o sofrimento de um condenado à morte nos EUA, seja para aumentar a pena de quem já foi julgado pela justiça, seja para dar um tratamento humilhante de algum bandido já preso, seja para incentivar um país a bombardear outro, seja para incentivar a população a linchar um suspeito. E muitas cositas más.

É evidente um certo complexo de toda-poderosa, o que esta senhora exibe.

Para ela, a Constituição, as leis nacionais e internacionais nada mais são do que um pequeno detalhe.

Ela se julga em condições de acusar, julgar e punir a todos que ela considera indignos de sua consideração.

Justiça e empatia, são palavras que D. Lucia desconhece. Vingança e justiciamento são as únicas palavras que orientam seus textos e ações.

Uma pessoa assim deve viver sob o peso de uma miserável tristeza.

Para quem acompanha habitualmente seus comentários, sentimos apenas vergonha alheia.

LRM disse...

Sr. José Antônio,
Eu sempre estive ao lado da verdade e da justiça, por mais que o seu conceito de "justiça" difira do meu. Vivemos num país onde reina a impunidade, Aqui criminosos não são julgados e, quando o são, costumam receber penas leves que são ainda mais abrandadas com benefícios, tão ridículos quanto espúrios. O resultado é que vivemos sob um estado de barbárie e corrupção que tira dos mais necessitados para entregar aos mais espertos. Quem disse que JD está preso ilegalmente se ele foi julgado por uma Corte de 12 Juízes? Já se esqueceu companheiro? Ou o senhor acha que essa Corte é somente o JB? Minha "tristeza miserável" é sim viver num país onde os direitos são negados para a maioria dos cidadãos, escorraçados ou roubados por uma carga tributária infame que serve apenas para sustentar os negócios da ditadura instalada no poder. E nem estou falando da criminalidade sufocante que pode transformar qualquer um de nós em cadáveres, de uma hora para outra. Fosse eu realmente a "toda-poderosa", Sr. José Antônio, restariam poucos petistas e bandidos fora da cadeia. Pode apostar. Teríamos, no mínimo, prisão perpétua, como nos países mais avançados, sem bebefícios abrandadores.

BONDeblog S. O. disse...

Senhora Lucia

Restariam quantos tucanos fora da cadeia ?

Restariam quantos DEMOCRATAS fora da cadeia ?

Ô Dona Lucia !! aterrisa !

LRM disse...

Sr. Bond,
Estranho o senhor não falar do PMDB e do resto da base aliada.

Será porque o senhor já os considera petistas também?

José Antônio disse...


D. Lucia tem uma facilidade enorme de desconversar quando lhe faltam argumentos.

Falamos de Brasil, vem com Cuba;

Falamos de fascismo, vem com comunismo;

Falamos de FHC, vem com Lula;

Falamos de tucanos e demos, vem PMDbistas;

Falamos de amarelo, vem com roxo;

E, como sempre, para qualquer assunto, sempre sobram as FARCs e a Alemanha de Hitler que constituem o "coringa" na manga do casaco de D. Lucia.

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS