domingo, 11 de maio de 2014

AS AMEAÇAS E JURAS DE "MORTE" CONTRA O MINISTRO JOAQUIM BARBOSA

PENA PARA ESTE TIPO DE CRIME É DE ATÉ SEIS MESES DE PRISÃO


Está sendo divulgado por parte da imprensa, e também em blogs de direita, que o ministro Presidente do STF - Joaquim Barbosa - recebeu duas ameaças de morte através das redes sociais, e que as referidas mensagens foram ainda enviadas ao SUPREMO. O caso merece ser melhor apurado para que se confirme o nome de um dos autores já supostamente identificado, e se ele fez mesmo a tal ameaça. 

A revista que traz a matéria sobre o caso não tem nenhuma credibilidade, então é preciso esperar uma informação oficial da Polícia Federal.

Já me manifestei aqui em outra ocasião, em que a ameaçada foi a Presidente Dilma, e também quando um militante da juventude do PSDB desejou a morte rápida do ex-presidente Lula, quando ele foi diagnosticado de um câncer, que esse tipo de comportamento doentio e indicador de falta de caráter por parte de quem o adota, precisa ser punido. 

Não sei das vezes anteriores se a Policia Federal conseguiu identificar quem ameaçou a presidente Dilma, e que tipo de fim teve o tucano doente da alma que queria Lula morto. 

O que sei, e que vale para ameaças a quem quer que seja, e vale também para o nível das palavras empregadas em ataque a HONRA ALHEIA, é que, com o advento do MARCO CIVIL, este tipo de manifestação violenta, despropositada e ilegal, poderá ser com mais rapidez e confiabilidade punida.

Não se pode tolerar que sob um falso anonimato (qualquer um pode ser identificado, com mais ou menos facilidade) pessoas utilizem o ambiente virtual para praticar atos que não se tolera da mesma forma no REAL. Particularmente entendo, não sendo possível ter certeza de que aquele que ameaça o faz por BRAVATA ou se tendo oportunidade consumaria o ato ventilado, que o crime de ameaça deveria ser punido com mais severidade. 

Nós reduziríamos em muito os altíssimos níveis de violência, apologia da violência, por extensão até o racismo e preconceito, e muita gente "boa" iria amargar no mínimo uma tornozeleira ou seus finais de semana prestando serviço comunitário, ensinado crianças que com BOMBAS, coquetéis molotov, PEDRAS e AMEAÇAS, não se brinca.

4 comentários:

José Antônio disse...


Bond, assim como reprovo as manifestações, bravateiras ou mais sérias, de "tacar" coquetéis molotov no Congresso Nacional, também repudio profundamente, se forem verdadeiras, essas ameaças, bravateiras ou não, contra o Ministro Joaquim Barbosa.

LRM disse...

"A revista que traz a matéria sobre o caso não tem nenhuma credibilidade, então é preciso esperar uma informação oficial da Polícia Federal."
****************
Sr. Bond, uma pena que o seu preconceito lhe provoque, quase sempre, uma cegueira digna de Steve Wonder. Essa revista, que o senhor diz que "não tem credibilidade" , é a mais lida do país, inclusive pelos petistas, que , ao contrário do senhor, dedicam a ela muita importância. Essa revista comprovou as ameaças com fotos da timeline do facebook do pilantra. As ameaças estão lá, tão cristalinas quanto apavorantes, pois revelam toda a intensidade do FASCISMO DE ESQUERDA que o PT dissemina no Brasil. O camaradinha militante já se evadiu, mas será preso. 6 meses de prisão, onde vai cumprir só 15 dias, tá barato. Vai ficar num presídio protegido pelo PT. Quando sair, corre o risco de virar ministro. É a ditadura em pleno andor.

José Antônio disse...


E quanto à bravateira que ameaçou "tacar" coquetéis molotov no Congresso"? Quando será presa? Quanto tempo irá cumprir? Em quais dependências ficará?

BONDeblog S. O. disse...

Senhora Lucia

Em um ponto a senhora está certíssima:

"...que , ao contrário do senhor, dedicam a ela muita importância".

De fato eu não dedico a referida revista nenhuma importância, como aliás, não dedico nenhuma importância aos fatos e narrativas de quem vive contando mentiras.

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS