quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

S.O.S. SAÚDE - FUNCIONÁRIOS E CREMERJ DENUNCIAM A CRISE DO HOSPITAL SALGADO FILHO NO MÉIER

FALTA DE PROFISSIONAIS DE SAÚDE POR INCOMPETÊNCIA OU DESINTERESSE DO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO


Sem uma política séria de RECURSOS HUMANOS, oferecendo remuneração aviltante aos profissionais de saúde e péssimas condições de trabalho, o MUNICÍPIO do Rio não consegue atrair novos médicos para integrar seus quadros. A opção por contratações temporárias se mostrou um fracasso, e nem mesmo as OSs conseguem fixar médicos e enfermeiros nas chamadas Clínicas da Família.

O funcionário que pode se aposentar (seja qual for a sua categoria) não pensa duas vezes, os que ficam estão cada vez mais sobrecarregados. As denúncias são graves e apontam para PLANTÕES em que algumas especialidades obrigatórias para compor equipes de emergência estão em falta. Não é possível oferecer um atendimento de qualidade e com segurança, tendo um CLÍNICO GERAL ou um NEUROCIRURGIÃO apenas. 


A foto mostra bem do que estamos falando. Alguém consegue imaginar a MÃE do prefeito, do secretário de saúde, ou de outras autoridades, deitada no chão de uma SALA DE EMERGÊNCIA ? É aceitável que profissionais de saúde, tenham de prestar atendimento nessas condições ? O que vai dizer, a quem vai apresentar cobrança e exigir explicações, o familiar de um paciente atendido nessa situação que aí vemos ?

A Secretaria de Saúde insiste em apontar para medidas inócuas. Não é preciso, e nem funciona, a opção por novos prédios anexos aos das Grandes EMERGÊNCIAS. Eles já existem no Souza Aguiar e no Miguel Couto, e de nada adiantam. Enquanto o MUNICÍPIO não sair da sua postura de PRIVATIZAÇÃO DA SAÚDE PÚBLICA, enquanto não parar com as TERCEIRIZAÇÕES, não teremos melhora dessa situação que se agrava numa velocidade impressionante.


CAOS TAMBÉM NA EMERGÊNCIA DO SOUZA AGUIAR

É preciso uma nova política de RH, salários dignos, reabertura do diálogo com as entidades de classe, abrir leitos que estão fechados, investir na qualificação dos profissionais, oferecer uma CARREIRA estruturada, que tenha atrativos para os recém-formados, e para os profissionais experientes, motivação para que continuem no SERVIÇO PÚBLICO. 

Ou é isso, ou é o CAOS que estamos assistindo


10 comentários:

H.P. disse...

Com todo respeito, e não discordando da matéria, fica a pergunta: MAS A MÁFIA DE BRANCO APARECE PARA TRABALHAR? OU SÓ QUER RECEBER O SALÁRIO?

Estadão:

"RIO - A Polícia Civil do Rio de Janeiro indiciou, nesta sexta-feira, 20, dois médicos do Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, zona norte do Rio, pela morte da menina Adrielly dos Santos Vieira, de 10 anos, atingida na cabeça por uma bala perdida na noite de Natal do ano passado. O chefe do setor de neurologia da unidade de saúde, José Renato Ludolf Paixão, e o chefe do plantão, o cirurgião vascular Ênio Eduardo Lima Lopes, vão responder pelo crime de homicídio culposo.
..........
Levada ao hospital, Adrielly teve que esperar oito horas para ser operada porque o neurocirurgião Adão Orlando Crespo Gonçalves, que deveria estar trabalhando, faltou ao plantão. A menina teve morte cerebral em 30 de dezembro e faleceu no dia 4 de janeiro Omissão de socorro. O neurocirurgião Adão Crespo Gonçalves já havia sido indiciado pela 23ª DP pelo crime de omissão de socorro. O delegado Luiz Archimedes decidiu indiciar Crespo Gonçalves após interrogar o neurocirurgião Francisco Doutel de Andrade, que chefiava a emergência do Salgado Filho na hora do episódio. Ele contou que era da mesma escala de Crespo Gonçalves há dois anos, mas nunca tinha visto o neurocirurgião. A pena para omissão de socorro é de um a seis meses de prisão, podendo ser triplicada em caso de morte...".

BONDeblog S. O. disse...

H. Pires

Médicos que faltam ao serviço e não cumprem com suas responsabilidades, devem ser punidos de acordo com regulamentos e normas trabalhistas e administrativas. Ou seja, devem receber o mesmo tratamento dos trabalhadores que não cumprem com suas obrigações.

O governo, está obrigado CONSTITUCIONALMENTE a oferecer atendimento de SAÚDE PÚBLICA. Condições de trabalho, contratações dentro das LEIS TRABALHISTAS, salário decente deve oferecer, cumprimento do contratado tem a obrigação de fiscalizar.

Quanto a questão da menina morta por um TIRO NA CABEÇA, eu vou encontrar uma maneira de abordar esse assunto, de uma forma que eu possa fazê-lo sem nenhum tipo de problema e implicação que me traga problemas. talvez eu conte uma fábula, e aí o amigo vai entender o que de fato aconteceu.

Um abraço

Anônimo disse...

Perfeito Sr. Bond. Como disse, não discordo em nenhum momento da matéria postada.
Forte abraço.

José Antônio disse...

Com todo o respeito e complementando o comentário acima, pergunto:

Será que não seria hora de uma campanha: "queremos médicos padrão Cuba"?

Claro, sei que existem médicos no Brasil que são verdadeiramente dedicados a aliviar o sofrimento de seus semelhantes.

Tenho a impressão, entretanto, que esses médicos constituem uma minoria uma vez que as nossas escolas de medicina parecem falhar na formação de caráter que um médico deve possuir.

Aqueles, entretanto, que agem com dedicação, muitas vezes às custas de muito sacrifício próprio, assim agem por que assim foram educados por seus pais e por que assim aprenderam ao longo das suas vidas a terem respeito por seus semelhantes.

Entretanto, se dependerem do que aprendem em nossas escolas de medicina, em sua maioria privadas, receio que este não seja o comportamento que caracteriza nossa classe médica.

O juramento de Hipócrates parece ter se transformado no juramento de hipócritas.

Peço perdão aos bons médicos, humanistas e dedicados, que sei existirem, mas, infelizmente, estes se diluem ante grande quantidade de colegas, de um lado mal preparados em sua formação profissional, de outro, mal preparados em sua formação moral.

Não é possível que os poucos médicos cubanos do programa "mais médicos", em poucos meses já tenham conseguido produzir uma verdadeira revolução no atendimento médico de populações, até há pouco, eternamente desassistidas.

Sem querer ofender a ninguém, principalmente aos heroicos médicos que não medem esforços em prol de seus pacientes, lanço aqui, o debate.

BONDeblog S. O. disse...

José

TAMBÉM AO AMIGO EU VOU DEIXAR PARA APRESENTAR UMA RESPOSTA MAIS LONGA, em outra oportunidade.

é que eu hoje estou precisando de um médico - crise de coluna ou cálculo renal - não sei, só sei que tá doendo.

Um abraço

José Antônio disse...


AMB faz cartilha para médicos desertarem

http://www.brasil247.com/pt/247/saudeebemestar/130136/AMB-faz-cartilha-para-m%C3%A9dicos-desertarem.htm

É um pouquinho o que eu disse acima.

Se depender da AMB, nossa população não terá médicos!

José Antônio disse...


Bond, torço para o amigo ser logo atendido. De preferência por um médico capaz de ouvi-lo com toda a atenção.

Um médico, padrão Cuba!

Isso se a AMB deixar.

Força, Bond!!

LRM disse...

A imprensa quer sangue. O planalto quer sangue. O Sr. Bond quer sangue e a eminência, Sr. José Antônio, também quer sangue.

Maria do Rosário, a petista dos direitos dos manos, já falou em "crime hediondo". Sobre a menininha de 6 anos que morreu queimada num ônibus que teve fogo ateado propositadamente por bandidos, não proferiu uma palavra, proibida que estava por Lula, que, ppr sua vez, foi proibido de falar pelo Sarney.

A hipocrisia é a homenagem que o vício presta à virtude.

Eu vos ofereço um suco de hemáceas. Vai?

José Antônio disse...

Vampiros, aqui? Não obrigado.

O suco de hemáceas é todo seu, D. Lucia. Pode saboreá-lo a gosto.

Mas, por favor, longe daqui.

BONDeblog S. O. disse...

Sra. Lucia = LRM

Sangue eu quero apenas nas campanhas que faço por doação em HEMOCENTROS.

Ainda que um blog com as características dos que publico tenha, obrigatoriamente de falar em temas difíceis, violentos, e chocantes, não me deixo levar por apelação de nenhuma espécie.

Me desculpe mas, quem pode ser que queira sangue é a senhora, que apoia justiçamentos, comentários de pseudo-jornalistas-justiceiros e que até já disse que jogaria um COQUETEL MOLOTOV no SENADO.

Já pensou se pega num cinegrafista ?

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS