quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

JOAQUIM BARBOSA ENTRA DE FÉRIAS PRENDENDO JOÃO PAULO E DEIXANDO ROBERTO JEFFERSON SOLTO - MISSÃO CUMPRIDA


O Ministro Joaquim Barbosa está de férias. Não sem antes concluir a sua forma parcial de fazer "justiça" ? Barbosa teve PRESSA - PRESSA - PRESSA em prender, humilhar, tripudiar de alguns dos condenados ( especialmente os ligados ao PT) e, nenhuma pressa, nenhuma, nenhuma, nenhuma, em decidir a questão da prisão do também condenado Roberto Jefferson.

Jefferson passou o Natal e Ano Novo em família. Já sabe que terá aí pelo menos mais um mês de liberdade. Curiosa essa forma de fazer "justiça" ? do Ministro Joaquim Barbosa. 

No fundo, Barbosa passa uma mensagem de forma subliminar. Ao deixar Jefferson solto, ao não submetê-lo a uma viagem desgastante e ao levar em consideração seu estado de saúde, mandando procurar um lugar adequado para que ele cumpra sua pena de prisão, o que não fez em relação a José Genoíno, Barbosa sinaliza que simpatiza com o suposto delator, aquele que foi o teoricamente responsável por lhe dar de bandeja, um caso de repercussão, que lhe permitiu, fazer seu teatro, posar de HERÓI, aparecer e extravasar seu ódios, rancores, maus bofes e frustrações.


Boas férias em MIAMI, ministro Joaquim Barbosa.


Barbosa entra em férias após determinar prisão de João Paulo Cunha
07/01/2014 -

Justiça - 


André Richter - 
Repórter da Agência Brasil

Brasília – O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, entrou em férias hoje (7), após determinar a prisão do deputado federal João Paulo Cunha (PT-SP). Inicialmente, estava previsto que Barbosa entrasse em férias na sexta-feira (10), mas a data foi antecipada.

Como o Supremo está em recesso até o início de fevereiro, a presidência da Corte será exercida interinamente pela ministra Cármen Lúcia até o dia 19 de janeiro. Após a data, Ricardo Lewandowski, vice-presidente do STF, assumirá o plantão do STF.



Segundo a assessoria de João Paulo Cunha, ele está em Brasília aguardando ser notificado da prisão, mas a assessoria de imprensa do STF não confirmou a expedição do mandado de prisão. Ele vai cumprir pena de seis anos e quatro meses de prisão no regime semiaberto, pelos crimes de corrupção e peculato.


Ontem, Joaquim Barbosa negou os recursos apresentados pela defesa de Cunha, e encerrou Ação Penal 470, o processo do mensalão, para João Paulo.

Edição: Beto Coura
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil

10 comentários:

José Antônio disse...


D. Lucia,

A senhora que tanto riu com a notícia dos mascotes de plásticos, deve então dar grandes gargalhadas com a notícia abaixo:

Justiça à brasileira: Demóstenes Torres curte Ano Novo na Itália

http://www.blogdacidadania.com.br/2014/01/justica-a-brasileira-demostenes-torres-curte-ano-novo-na-italia/

Viu, D. Lucia? A senhora não pode me acusar de não lhe dar notícias que a agradem.

BONDeblog S. O. disse...

José

E o Cachoeira ? e o Marconi Perillo ? e o Roberto ARRUDA ?

Onde será que eles passaram o ano novo ?

lucia Ramos Moreira disse...

Senhores,
Eu lamento muito essa notícia, acho que todos deveriam estar presos também, mas em celas separadas dos petistas, cada qual com a sua facção, como acontece com os bandidos comuns,

Mas estou longe de crer numa conspiração da justiça contra o PT. No momento eu penso que o PT é que conspira contra a justiça.

Creio que chegará a vez de Roberto Jefferson, assim como também demorou a prisão do petista João Paulo Cunha.

Anônimo disse...

E o Barbosa está curtindo seu AP na Flórida, Quem será que deu para êle?

lucia Ramos Moreira disse...

Retifique o seu texto, Sr. Bond!

"...Joaquim Barbosa sai de férias sem expedir mandado de prisão de João Paulo Cunha
Político só está aguardando mandado para se apresentar à PF

AGÊNCIA BRASIL
Brasília - O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, entrou em férias nesta terça-feira, mas não expediu o mandado de prisão do deputado federal e ex-presidente da Câmara João Paulo Cunha (PT-SP). Segundo a assessoria do tribunal, o documento ainda não foi enviado à Polícia Federal (PF) porque a Secretaria Judiciária do Supremo ainda não conseguiu concluir toda a documentação necessária. Cunha aguarda a expedição do mandado para se apresentar à PF...."

José Antônio disse...

"Mas estou longe de crer numa conspiração da justiça contra o PT.

A lentidão do judiciário no Brasil sempre foi uma grande vergonha.

Um dia, do nada, vemos a mídia inteira bradar para que os "crimes" imputados na AP 470 sejam julgados celeremente, contrariando a praxis do poder judiciário.

O judiciário, por sua vez, atende aos "reclamos" da opinião publicada e, em um esforço nunca dantes visto neste país, atropela todas as regras a fim de mostrar serviço desta vez.

Poderia ser uma mudança positiva de postura da sociedade e da mídia, embora a pressa e a pressão da mídia tenha provocado inúmeras falhas durante o julgamento.

Mas não.

A mídia está se lichando para o julgamento dos demais crimes e se mantêm em obsequioso silêncio mantendo seu foco, dia sim, outro também, se um petista "menor" está envolvido nas falcatruas tucanas.

E o judiciário?

Ora, o judiciário anda muito ocupado... Como sempre.

Demóstenes Torres passa o Natal na Itália. E quem garante que ele volte ao Brasil?

José Antônio disse...

lucia Ramos Moreira disse...

Retifique o seu texto, Sr. Bond!

---------------

"Alberto Toron, advogado do deputado João Paulo Cunha (PT-SP), disse nessa terça-feira (7) que seu cliente está sendo submetido a uma situação desumana pelo presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa.

De acordo com ele, o fato de o ministro ter decidido pela detenção do parlamentar, mas não expedir o mandato de prisão, cria um clima psicológico extremamente ruim.
"O que está ocorrendo com João Paulo Cunha é uma desumanidade. Ele vive clima de absoluta incerteza. Ele está disponível para viver o pior momento de sua vida, que é a prisão, mas a Justiça não o efetiva", disse Toron.

Como Barbosa decidiu pela prisão do parlamentar na segunda-feira, restando somente a expedição do mandado de prisão, João Paulo passou essa terça-feira preparando-se para enfrentar o presídio.

Ao longo do dia esteve reunido com advogados e fez os preparativos necessários para se entregar à Justiça tão logo o mandado de prisão fosse expedido –algo que acabou não acontecendo.

João Paulo disse a assessores ouvidos pela reportagem que a falta de definição sobre a sua prisão é "sádica" e causa uma "tortura psicológica".
"

http://www.novojornal.com/politica/noticia/defesa-diz-que-barbosa-criou-uma-situacao-desumana-para-cunh-08-01-2014.html

Anônimo disse...

Hoje, o STF - Supremo Tribunal de Fraudes cometeu mais uma das suas. O ministro(???) Marco A Melo acaba de desmenbrar o processo dos réus do TRENSALÃO TUCANO, provando, mais uma vez, a grotesca armação do "Menino pobre que merdou o Brasil" e do baleia Gurgel. Dá pra respeitar essa corja de bandidos de toga?

José Antônio disse...

Adendo ao comentário do Anônimo (18:42), acima:

Tribunal de Contas do Município suspende corredores de ônibus de Haddad.

Ler: A Profecia que se Autorealizou

de Paulo Moreira Leite:

https://www.facebook.com/permalink.php?story_fbid=1442649362618331&id=100006198425564

Anônimo disse...

Estes pilantras que escapam da justiça brasileira ( corvo não come corvo) um dia irão sentar no colo do capeta.

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS