quinta-feira, 17 de outubro de 2013

PREVISÃO DE CHUVA AFASTA QUALQUER RISCO DE APAGÃO - OS "CÉUS" CONTRA A OPOSIÇÃO


Nessa virada de 2013 para 2014, no verão que se aproxima, tudo indica que o regime de chuvas vai permitir trabalhar com os reservatórios das hidrelétricas em níveis bastante confortáveis. Sem apagão e sem necessidade de acionamento de USINAS TÉRMICAS a conta de Luz não vai sofrer aumento significativo. Até no Nordeste já está chovendo. Será menos um motivo para a oposição política e seu braço MIDIÁTICO tocarem terror e soarem trombetas de CAOS.

ONS prevê verão chuvoso e descarta risco de apagão no país

Vladimir Platonow - Agência Brasil - 17.10.2013 

Os modelos meteorológicos disponíveis apontam para um verão mais chuvoso no país, o que praticamente afasta o risco de apagões por excesso de demanda. A avaliação é do diretor-geral do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), Hermes Chipp

Rio de Janeiro – Os modelos meteorológicos disponíveis apontam para um verão mais chuvoso no país, o que praticamente afasta o risco de apagões por excesso de demanda. A avaliação é do diretor-geral do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), Hermes Chipp, que espera uma economia de 4,6% no consumo de energia no pico, o equivalente a R$ 400 milhões, durante os 120 dias em que vigorar o horário de verão, que começa a zero hora do próximo domingo (20). Ele pondera, entretanto, que nenhum sistema no mundo é à prova de falhas.

“Apagão, nenhum risco. O nível dos reservatórios não é dos melhores, mas não é nada que apavore. O atendimento é garantido. Um outro sinal muito positivo é que nós estamos tendo indicações meteorológicas favoráveis, diferentemente do ano passado, quando o período úmido atrasou muito. Este ano já começou a dar sinal das frentes [frias] passando para onde interessa, que são as bacias principais do sistema. Elas estão se concentrando mais ao norte da Região Sul, onde estão as principais bacias, como a do Rio Iguaçu, e indo para a Região Sudeste, pegando até a cabeceira do Rio São Francisco”, explicou Chipp.

O diretor-geral do ONS ressaltou que está sendo registrado um aumento de temperatura no Atlântico Sul, o que faz as frentes subirem mais rapidamente. “As frentes não param no Sul, indo para as bacias que têm mais capacidade de armazenar água, no Sudeste. Os modelos que a gente utiliza, que é do Cptec [Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos] e outros dois americanos, estão dando uma indicação consensual e está se configurando. Segundo os meteorologistas, essa tendência não se reverte.”

Com a garantia de chuvas nos reservatórios das hidrelétricas, Chipp disse que haverá redução na utilização das termelétricas, o que afasta a possibilidade de aumento na conta de luz do consumidor final, por conta dos encargos cobrados quando o sistema usa muito a energia térmica: “Se configurando essas previsões, deve se reduzir [o uso de termelétricas]”.

Chipp disse que o aumento de carga para este ano deverá ficar em 4%, em comparação ao ano anterior, que havia registrado crescimento de 4,2%, valores sempre acima do crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), em razão do crescente consumo dos brasileiros de produtos elétricos e eletrônicos, incluindo aparelhos de ar condicionado, especialmente utilizados nos picos de calor do verão.

Edição: Davi Oliveira

4 comentários:

Anônimo disse...

O saber não ocupa espaço.

APENAS UM LIVRO.

"Em Câmara Lenta" foi considerado "instrumento de guerra revolucionária".

O original de "Em Câmara Lenta" foi produzido dentro da prisão do Carandiru, em 1973. Renato Tapajós escrevia em folhas de papel de seda, com letras miúdas, todas as partes do texto e depois as embrulhava e enrolava no celofane de cigarro, fechando com fita adesiva para ficar impermeável...".

lucia Ramos Moreira disse...

Quando um governo é ruim, sem planejamento, metas nem horizontes só resta trabalhar com o imponderável e rezar para São Pedro. Tem que contar com a benevolência dos céus porque aqui na terra a incompetência dos homens ( e das mulheres) nos deixa vulneráveis.

H.P. disse...

Curioso julgamento:
21 horas atrás(migalhas.jusbrasil.com.br)

"....A 4ª Vara Criminal de São José dos Campos/SP condenou o autor de um blog a cumprir pena de um ano, dois meses e 14 dias de detenção, em regime semiaberto e ao pagamento de 18 dias-multa por injúria e calúnia a um juiz de Direito, proferidas por meio de mensagens no blog do réu. O juiz que proferiu a sentença, Carlos Gutemberg de Santis Cunha, alegou que ao se referir às decisões proferidas pelo magistrado de forma velada, o blogueiro imputou falsamente fatos definidos como crimes, notadamente o de prevaricação.

O réu já havia sido condenado por uma coluna que tinha no jornal na cidade de Serra Negra/SP, onde comentava fatos políticos, judiciais e sociais do município. Na ocasião, lançou matéria depreciativa sobre o juiz, foi processado e condenado por infringir a lei de imprensa 5250/67...".

Lei 5250/67, segundo consta na condenação, está em vigor.

José Antônio disse...

Bond, previsões de nuvens negras, chuvas com tempestades, raios e trovões sobre o ninho tucano.

Na rinha: José Serra x Aécio Neves.

Há previsões de outras rinhas, igualmente emocionantes. Desta vez no ninho "socialista".

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS