sábado, 19 de outubro de 2013

INSTITUTO ROYAL - DEFENSORES DE ANIMAIS E PM ENTRAM EM CHOQUE - CARRO DA REDE GLOBO É INCENDIADO


O carro da afiliada da TV GLOBO - Destruído pelas chamas

UM CONFRONTO DE GRAVES PROPORÇÕES OCORREU NO INÍCIO DA TARDE DE HOJE em frente ao Instituto Royal. Manifestantes que foram até o local protestar em relação ao uso de cães como cobaia entraram em confronto com os policiais do Batalhão de Choque da PM-SP. Como sempre a PM foi violenta e abusou das borrachadas, choques e bombas de gás e pimenta. Os manifestantes não tiveram como resistir. Entretanto, com a chegada dos BLACK BLOCs a coisa mudou de figura e a PM acabou levando pedrada, pancada e teve até uma viatura queimada. Sobrou para a ODIADA REDE GLOBO, QUE TAMBÉM TEVE UM VEÍCULO INCENDIADO. Entre mortos e feridos parece que se salvaram 1820 cães e coelhos, que, segundo os ativistas, eram vítimas de maus tratos.


O CARRO DA PM TAMBÉM

Em protesto contra testes em cães, Black Blocs queimam carros da PM e da Globo




PM do Batalhão de Choque agride com cassetete um fotógrafo. A polícia não gosta de quem registra seus abusos.


O protesto marcado neste sábado contra o Instituto Royal, em São Roque, interior de São Paulo, terminou em confronto entre policiais militares e manifestantes e interditou totalmente, por um período, o trânsito na rodovia Raposo Tavares, no início da tarde deste sábado. 

O instituto foi invadido na madrugada desta sexta-feira. Do local, foram retirados cerca de 1820 cachorros da raça beagle, além de coelhos. Os animais eram usados em pesquisas científicas e, segundo os ativistas, vítimas de maus tratos. 

Segundo a rádio CBN, em meio ao protesto, que contou com o apoio do movimento Black Bloc, manifestantes com o rosto coberto e vestidos de preto entraram em confronto com a Tropa de Choque da PM, que usou bombas de gás lacrimogêneo. Em meio ao tumulto, uma viatura da Polícia Militar e um carro da Rede Globo foram incendiados. Ao menos uma pessoa ficou ferida.


Por conta do protesto, a rodovia Raposo Tavares teve trânsito totalmente interrompido, de acordo com a concessionária responsável pela via. Segundo a empresa, o tráfego foi totalmente interrompido nos dois sentidos na altura do quilômetro 56. Desvios foram montados no quilômetro 55, no sentido interior, e 58, sentido São Paulo. 

Ativistas retiram animais de instituto 

Ativistas invadiram, por volta das 2h desta sexta-feira, a sede do Instituto Royal, em São Roque, no interior de São Paulo, e retiraram cães da raça beagle que seriam usados em pesquisas científicas. Mais tarde, coelhos também foram retirados do local.

Cerca de 150 pessoas participaram da invasão. De acordo com relatos de manifestantes, ao menos 200 cães foram retirados do instituto.

Ao longo do dia houve protestos na frente do portão do instituto, que utilizaria beagles em testes de produtos cosméticos e farmacêuticos por serem de médio porte, dóceis e considerados de raça pura, teoricamente com menos variações genéticas, o que torna os resultados dos testes mais exatos.

Por meio de nota, a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência informou que o Instituto Royal é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip), criada para promover o desenvolvimento e a pesquisa de tecnologias inovadoras. “O Instituto realiza estudos de avaliação de risco e segurança de novos medicamentos. Todos os seus experimentos são conduzidos de acordo com protocolos utilizados internacionalmente”, diz o texto, ressaltando que as pesquisas atendem a todas as exigências feitas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Com Portal Terra e Agência Brasil

3 comentários:

H.Pires disse...

Segundo relatos do local, quem começou as agressões foram os policiais, a PM que foi destacada para lá.
TODO CUIDADO É POUCO nessas falações, sempre dos mesmos, que toda e qualquer agressão, nas manifestações, foram feitas pelos Black Blocks. Isto não é defesa de ninguém. É COLOCAR A VERDADE NO SEU DEVIDO LUGAR.
MULHERES, DIGNAS MULHERES, FORAM COVARDEMENTE FERIDAS atacadas a cacetadas.
ESSA É A PÓLICIA QUE ALCKMIN COMANDA?
O PSDB, O GOVERNO DE SÃO PAULO O GOV. ALCKMIM TEM QUE SER CONSIDERADOS INIMIGOS DOS ANIMAIS, ASSASSINOS COADJUVANTES DELES, ESPANCADORES DE MULHERES, CRIANÇAS E GENTE DECENTE.
PSDB/ALCKMIM, aguardem, poderá ter REAÇÕES GRAVES, visto a atitude INSANA por parte de voces, em maltratar/ESPANCAR(muitos deles classe média e média alta, note-se) esses que até tinham uma certa "simpatia" por voces.
ESSA SÃO PAULO DOMINADA PELAS FORÇAS ASSASSINAS DAS TREVAS, GLOBO A FRENTE, SE TRANSFORMOU NO CAOS TOTAL!

H.P disse...

Se o Governo, os ASSASSINOS donos de laboratórios acham que a repressão irá demover "um milimitro" sequer, a vontade e continuidade de luta contra voces e a favor dos DIGNOS ANIMAIS e de SUA DEFESA,
ESTÃO ENGANADOS. REDONDAMENTE ENGANADOS.
"A CADA PORRADA LEVADA É LUTA REDOBRADA. QUANTO MAIS BATE MAIS CRESCE".
Hoje, OS OLHOS DO BRASIL E DO MUNDO TODO, estão voltados e SOLIDÁRIOS com ESSES DECENTES MANIFESTANTES.
Essa desnecessária e COVARDE AGRESSÃO, SR. ALCKMIM, JÁ ESTA "CORRENDO" O BRASIL E O MUNDO.
Milhões de outros defensores dos ditos "animais", de outros Estados daqui, estão IGUAL OU MAIS INDIGNADOS QUE NÓS.
Após essa manifestação, O BRASIL, NOSSA SOCIEDADE JAMAIS SERÁ IGUAL.

lucia Ramos Moreira disse...

Na empresa onde eu trabalho eu proíbo os testes com animais. Usamos células de fibroblastos para esses testes. Na verdade eu defendo que , se testes com seres vivos são necessários, que se façam com bandidos que praticaram crimes hediondos contra outras pessoas. É a melhor forma deles pagarem suas dívidas com a sociedade. Mas isso arrepiaria os humanitaristas inconsequentes.

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS