sábado, 5 de outubro de 2013

AÉCIO NEVES É O GRANDE PERDEDOR COM A FILIAÇÃO DE MARINA SILVA AO PSB


Com a filiação de Marina Silva ao PSB e a consequente coligação da REDE SUSTENTABILIDADE e PSB, o que indica uma CHAPA entre Eduardo Campos na cabeça para presidente e Marina Silva entrando na condição de VICE, ninguém perde tanto espaço e capacidade de juntar forças para 2014 quanto Aécio Neves (PSDB). Aliás, nesse momento, a candidatura de Aécio Neves que já estava bastante fraca, sofre um brutal baque. Aécio terá que procurar com muita habilidade uma forma de não ser alijado do processo, vendo a polarização entre PT e PSDB, mudar para entre PT e PSB/REDE.

Os próprios palanques nos estados, vão ficar bastante interessantes, e se o PSB não der uma guinada nos acordos que já vinha costurando e passar a se dedicar a montar uma estrutura e programa voltado para receber algumas das teses da REDE, é Marina quem vai ficar em posição bastante delicada.

Política e Eleição são assuntos intrincados e complexos, além de, um campo onde o que se fala de público, não ser exatamente o que se fala de forma reservada, e principalmente o que se pratica. Nesse momento, a ALIANÇA entre Marina e Campos pode parecer um "GOLPE DE MESTRE", mas, o desenrolar dos fatos e a natural disputa de bastidores, pode trazer muitas dificuldades nesse processo.

2 comentários:

José Antônio disse...

Caro Bond,

Na minha opinião não foi apenas o Aécio o grande perdedor. O grande perdedor foi o PSDB. Na realidade apenas antecipou sua derrocada definitiva prevista apenas para 2014.

Na minha opinião, esta eleição vai ser decidida no primeiro turno. Mesmo que a Marina tivesse conseguido emplacar a sua "REDE". A partir de 2014 os tucanos entrarão nos livros de história sob a forma de uma pequena nota de rodapé.

Foram 11 anos de inação e preguiça política. Vão receber o castigo que merecem agora.

Acharam que o poder lhes voltaria por inércia e com a ajuda do PIG. Não moveram uma mísera palha em busca de um programa convincente de governo.

Só fizera atacar os governos Lula e Dilma, de forma calhorda. Contaram para isso com a prestimosa ajuda do PIG. Mas isso não é suficiente para empolgar a população. Só serviu para evangelizar os já crentes.

Marina teve antes a prática de trabalhar duro, durante a formação do PT. E repetiu o mesmo agora, embora de uma forma um tanto desajeitada. Trabalho, entretanto, é coisa que os tucanos não sabem fazer. Aliás tem ojeriza de quem trabalha.

Mas a aliança Marina-Eduardo Campos é muito frágil. Não dá para empolgar o PIG e, sem este, ninguém vai ao segundo turno.

Também não dá para pensar em uma aliança entre todas essas forças: tucanos, demos, "socialistas brasileiros", verdes, evangélicos, ruralistas, bolsonários, arrudas, PIG, etc., em uma única frente anti-PT.

Antes disso eles vão se comer antropofagicamente.

Todos estão cumprindo seu papel em um teatrinho, fazendo de conta de que possuem alguma chance de virar o jogo.

Afinal o Merval, o RA, o Augusto Nunes, o Jabobo tem que sobreviver e precisam fazer suas análises, mais parecidas com contas de chegar.

Repito: nas urnas, este jogo termina logo no primeiro turno com a vitória de Dilma.

Qualquer que seja a configuração dos adversários.

Lembre-se de que quem tem FHC e Serra ao seu lado já entra com grande desvantagem.

Dificilmente o PIG vai encontrar a tempo um novo "caçador de marajás", um novo "mosqueteiro", um novo "menino pobre que salvou o Brasil".

Além do que, estamos todos bastante vacinados contra essa, como diria a Vera, corja.

BONDeblog S. O. disse...

José

Não sei se o jogo termina no primeiro turno. Minha dúvida, porém, se prende muito mais aos erros do governo / PT / Base, do que às virtudes da oposição.

EM DESTAQUE - LEIA AGORA

JOÃO DORIA E ACMN LEVAM UMA MERECIDA CHUVA DE OVOS EM SALVADOR - EM VÍDEO

OS OVOS CHOCARAM E APODRECERAM ASSIM QUE TIVERAM CONTATO COM A CABEÇA DOS DOIS PREFEITOS LEIA A MATÉRIA AQUI

AS DEZ MAIS LIDAS NO MÊS